Florianópolis teve mais de 25 ‘visitas’ de cobras em novembro; veja bairros

Bombeiros foram acionados para atender ocorrências envolvendo cobras em pelo menos 19 bairros de Florianópolis

Cobras nos quintais, dentro de casa e até mesmo em uma pastelaria. O Corpo de Bombeiros foi acionado pelos menos 26 vezes para atender ocorrências envolvendo cobras em Florianópolis. Com o aumento das temperaturas, cresce também a incidência da espécie no meio urbano.

Cobra flagrada em Florianópolis no mês de setembroCobra encontrada em couve-flor em Florianópolis no fim de setembro. Neste mês pelo menos 15 moradores acionaram os bombeiros relatando a presença das cobras – Foto: atrícia Stenay/Arquivo pessoal

Os casos foram registrados e divulgados pelo Sistema de Emergências do CBMSC (Corpo de Bombeiros Militares de Santa Catarina). Comparado com os meses anteriores é possível perceber a maior “presença” destes animais entre nós.

Outubro manteve o mesmo número de novembro, com 26 atendimentos. Já setembro, quando a primavera começava a ganhar os seus contornos, cerca de 15 moradores de Florianópolis acionaram os bombeiros pedindo ajuda com as cobras. No frio de agosto não houve registro.

Ao ver a espécie deve-se acionar os bombeiros. “A pessoa deve manter-se afastada. São animais calmos, que não oferecem qualquer perigo a não ser que se sintam ameaçadas. Ao avistá-las em residências, fazer contato com o Corpo de Bombeiros Militar”, informou a corporação.

Bairros com registros de cobra em novembro, em Florianópolis

  • Córrego Grande (quatro casos);
  • Lagoa da Conceição (três casos);
  • Rio Tavares (dois casos);
  • Trindade (dois casos)
  • Ribeirão da Ilha (um caso);
  • Carianos (um caso);
  • Tapera (um caso);
  • Campeche (um caso);
  • João Paulo (um caso);
  • Canasvieiras (um caso);
  • Itacorubi (um caso);
  • Costeira do Pirajubaé (um caso);
  • Jurerê internacional (um caso);
  • Abraão (um caso);
  • Centro (um caso);
  • Barra da Lagoa (um caso);
  • Rio Vermelho (um caso);
  • Pântano do Sul (um caso); e
  • Morro da Cruz (um caso).

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Animais

Loading...