Parede com pontos ásperos: aprenda a resolver e como evitar

<span style="font-weight: 400;">É preciso ter cuidados ao pintar as paredes para que o trabalho fique bem feito </span>&#8211; Foto: DivulgaçãoÉ preciso ter cuidados ao pintar as paredes para que o trabalho fique bem feito – Foto: Divulgação

Muito se engana quem pensa que para pintar uma parede basta escolher a cor, comprar a tinta e pintar. É preciso ter uma série de cuidados para que o trabalho fique bem feito, sem bolhas, manchas e outras imperfeições. 

O primeiro passo é escolher a cor e o tipo de tinta (a óleo, acrílica, dentre outros, de acordo com a superfície que vai ser pintada e o tempo disponível para secagem). Alguns tipos também contam com opções de acabamento, como fosco, semi brilho ou acetinado.

Depois é preciso tirar todos os móveis e objetos que fiquem próximos à parede a ser pintada. Se todo o cômodo for passar pela revitalização, uma boa alternativa é arrastar os móveis para o centro do ambiente e cobri-los com uma lona ou um lençol, para evitar respingos. Outra superfície que deve ser protegida é o chão, masnesse caso é interessante usar jornal ou papelão por serem absorventes.

 Em seguida, analise a parede e veja se existem pontos soltos. Se existirem será preciso raspar e lixar as imperfeições. Antes de começar a pintar é preciso ainda limpar toda a poeira usando um aspirador de pó ou uma vassoura de cerdas finas. Esse processo é indispensável para que a tinta aplicada não se misture ao pó e deixe a superfície da parede com aspecto áspero e mal acabado. Se esse cuidado não foi tomado e sua parede tem esse problema, aprenda com o Especialista Inkor como resolver:

Se você ainda ficou com alguma dúvida, é só acessar o site da Inkor e conversar com um especialista da sua região!

+

Especialista INKOR

Loading...