Pedras e revestimentos: um toque de requinte nos condomínios

O uso de pedras naturais está em alta; confira as opções que podem elevar o padrão de acabamento dos imóveis e encantar à primeira vista

O uso de revestimentos como as pedras naturais em ambientes de uso comum nos condomínios residenciais traz estilo, elegância e incorpora elementos de grande apelo sensorial.

A aplicação de revestimentos de boa qualidade traz ainda o conforto e a segurança necessários às áreas comuns, como corredores, escadas, hall, salões de festas, elevadores e entornos de piscinas, por exemplo. Esses espaços precisam de materiais com alta resistência, durabilidade e fácil manutenção.

Salão de festas residencial Antonio Neto, em São José – Foto: AM Construções/DivulgaçãoSalão de festas residencial Antonio Neto, em São José – Foto: AM Construções/Divulgação

Com o mercado da construção aquecido, a gama de possibilidades é imensa. Vai desde os tradicionais granitos, mármores e pedras naturais passando pelos porcelanatos e produtos híbridos (que mesclam pedra calcária natural e substâncias sintéticas), de alta resistência e durabilidade.

Alguns materiais podem inclusive apresentar ação antiviral e de fácil limpeza. Esse é realmente um segmento de grande potencial para valorização dos condomínios.

Antenada com as tendências, a AM Construções – que possui 42 anos de experiência em empreendimentos de alto padrão, é uma das poucas empresas do ramo na Grande Florianópolis que investe em acabamentos de altíssima qualidade, incorporando as pedras naturais em projetos personalizados.

O apelo do natural

Numa época em que as pessoas estão mais voltadas para a família e a casa, é normal que dêem mais importância a morar bem e ao que é natural, confortável e bonito.

Nesse sentido, as pedras naturais estão sendo muito solicitadas e valorizadas por causarem grande impacto visual, seja em mosaicos ou em bancadas. Elas se adaptam tanto ao estilo rústico, quanto ao clássico e ao moderno e ainda trazem um pouco da natureza para dentro de casa.

Nos empreendimentos imobiliários, o investimento em revestimentos e pisos que dão um toque luxuoso ao acabamento é algo do qual a AM Construções não abre mão.

“O uso das pedras naturais, com seus veios e padrões únicos que não se repetem na natureza, traz exclusividade aos empreendimentos. E a AM [Construções] faz esse trabalho diferenciado”, analisa Vania Schmitt Sant’anna, presidente da Tessela.

Parceira em empreendimentos da construtora, a Tessela é uma empresa especializada em revestimentos e pedras naturais, como granitos, mármores e mosaicos, com sede em Tijucas. A empresa colocou em prática projetos de acabamentos especiais em alguns condomínios da AM, como no residencial Antonio Neto e no Millenium Palace.

“Fizemos projetos exclusivos para cada obra, desde a logo personalizada para identificação do prédio, escadarias, pórtico de entrada, detalhamento em pisos trabalhados para hall de entrada, etc. Analisamos as cores e materiais utilizados, criando uma unidade com o projeto arquitetônico”, explica Vania.

“No caso da AM, que costuma usar marrom, dourado e cores claras, optamos pelo marrom café escovado nas pedras dos pórticos e pensamos em desenhos geométricos que combinassem com os móveis”.

“É uma construtora que tem carinho pelo cliente, que escolhe cada detalhe do projeto com amor, para que os moradores se sintam felizes em um ambiente agradável”, afirma a empresária.

Hall do Millenium Palace com ‘tapete’ que delimita área social no piso – Foto: AM Construções/DivulgaçãoHall do Millenium Palace com ‘tapete’ que delimita área social no piso – Foto: AM Construções/Divulgação

Até mesmo o aspecto de cimento queimado, tão utilizado no estilo de decoração industrial, pode ser feito com porcelanatos, granito e mármore nos mesmos tons. “Porém são naturais, e na versão escovada facilitam a limpeza e a manutenção”, aponta Vania.

Escolha depende do ambiente

Com tamanha variedade, o primeiro ponto a ser considerado é o local em que será utilizado o material. Área externa ou interna; pisos, paredes ou bancadas; áreas secas ou molhadas; respeitando ainda as normas de segurança.

No hall, é comum usar piso polido, enquanto em escadarias e locais externos e molhados os pisos antiderrapantes e ásperos são necessários. Em algumas áreas, o ‘tapete’ [área que delimita um espaço] une o porcelanato já existente ao mármore, criando um desenho sobre o piso.

Hall de entrada do residencial Antonio Neto, no bairro Campinas, em São José – Foto: AM Construções/DivulgaçãoHall de entrada do residencial Antonio Neto, no bairro Campinas, em São José – Foto: AM Construções/Divulgação

“Usamos bastante pedras exóticas em tons de rosa ou natural, como os mármores calacata (nacional), a ardósia verde, pedras preciosas e cristal Swarovski. Já os materiais industrializados, como o silestone (marca de quartzo) e o quartzito que conferem durabilidade e resistência, são mais utilizados em bancadas de cozinha e de salão de festas”, diz a empresária.

“Os porcelanatos até podem ser usados em bancadas de cozinha, mas geram mais emendas, tensionam muito e podem danificar ao manusear panelas; melhor usar em banheiros e lavabos, como fizemos no lavabo do hall de entrada do residencial Antonio Neto”, aponta a empresária.

Já o quartzo oferece boa resistência, alta durabilidade, pouca porosidade e facilidade para limpeza, sendo ideal para superfícies que precisam ser lisas, homogêneas e fáceis de limpar. Por isso, são os preferidos para bancadas de cozinhas e áreas de festas, em detrimento de revestimentos porosos como o mármore e os granitos, pouco resistentes a produtos abrasivos e mais suscetíveis a manchas.

Salão de festas residencial Antonio Neto, em São José – Foto: AM Construções/DivulgaçãoSalão de festas residencial Antonio Neto, em São José – Foto: AM Construções/Divulgação

“A bancada do salão de festas do Antonio Neto foi feita em quartzito matarazzo [pedra natural], é uma peça que não vai ter repetição nas mesmas cores e desenhos. Então, os moradores terão um ambiente exclusivo”, afirma Vania.

Ainda no Antonio Neto, o acabamento com mármore calacata bege no lavabo feminino do salão de festas em forma de mosaico se une ao granito Matrix Motion na bancada.

Lavabo social do condomínio Antonio Neto, com granito e mármore calacata – Foto: AM Construções/DivulgaçãoLavabo social do condomínio Antonio Neto, com granito e mármore calacata – Foto: AM Construções/Divulgação

Nos elevadores, a opção de revestimento foi pelo mármore italiano Bronze Armani, muito nobre e valorizado, além de porcelanato preto e cristal com corte a jato d’água para fazer o desenho. “Poucas construtoras utilizam esse material importado, o que valoriza a obra”.

Até o piso do elevador foi personalizado. “Fizemos qualquer desenho, pode ser até um brasão de família, tudo isso torna a obra exclusiva e única”.

Revestimento feito em mármore italiano Bronze Armani, nos elevadores do residencial Antonio Neto, em São José – Foto: AM Construções/DivulgaçãoRevestimento feito em mármore italiano Bronze Armani, nos elevadores do residencial Antonio Neto, em São José – Foto: AM Construções/Divulgação

Quer conhecer mais sobre o excelente trabalho da AM Construções? Visite o site e veja a qualidade dos empreendimentos. Ou se preferir, entre em contato pelo telefone (48) 3035-7510.

+

AM Construções

Loading...