Conteúdo por Gazeta Esportiva

Ricciardo revela conversas com a Ferrari nos últimos anos, mas nega mágoa

O último mês de maio foi um dos mais agitados nos bastidores da história da Fórmula 1, apesar de não haver disputas dentro da pista. Daniel Ricciardo foi um dos principais pilares de toda movimentação, acertando sua saída da Renault e ida para a McLaren na próxima temporada. Contudo, o australiano ficou perto de ir para a Ferrari.

Toda agitação começou com a saída de Vettel da Ferrari para 2021. Ricciardo se tornou o principal nome para ocupar uma das vagas no time de Maranello. Contudo, Carlos Sainz, atual piloto da McLaren, foi o escolhido e já acertou sua ida para a escuderia italiana. Sem empolgar em sua primeira temporada na Renault, Ricciardo fechou com a própria McLaren para o ano que vem.

Ricciardo irá para a McLaren em 2021 (Foto: Reprodução)

Em entrevista à CNN, o piloto revelou que negociou por anos com a Ferrari e poderia ter sido concretizado o desejo das partes desta vez.

“Já houve discussões há alguns anos. E isso continuou até agora, então sim, não vou negar isso. Mas, obviamente, nunca chegou a ser concretizado”, falou.

Apesar do desacerto, Ricciardo não guardou mágoas e entendeu perfeitamente a escolha por Sainz, uma das promessas da nova safra de pilotos da Fórmula 1.

“Vejo que Carlos se encaixa no time. Então, eu realmente não vejo isso como “por que não eu?”. Eu só olho para ele: Sim, Carlos teve um 2019 muito forte. Sim, acho que é uma boa opção”, contou.

O último mundial de Daniel Ricciardo pela Renault se iniciará no próximo domingo no GP da Áustria.

+ Fórmula 1