Joinville abre série com vitória

Basquete. Equipe derrotou o Pinheiros, na noite de sexta, pelo primeiro jogo das quartas de final do NBB

 

Rogerio da Silva/ND

Ala Kojo Mensah brilhou e esteve perto de fazer um triplo-duplo

 

    Com ritmo forte no início de jogo, o Basquete de Joinville venceu o Pinheiros-SP no Centreventos Cau Hansen pelo jogo 1 dos playoffs de quartas de final do NBB (Novo Basquete Brasil) por 96 a 80, revertendo a vantagem, que era do adversário. O ritmo avassalador do time de José Neto teve como principal força os dois norte-americanos, Kojo Mensah e Rashad Bishop, ambos cestinhas da partida com 23 pontos.

     Kojo também se destacou pelas dez assistências e saiu de quadra com um duplo-duplo, assim como o capitão e pivô Shilton, com seus 15 pontos e dez rebotes. O desempenho joinvilense foi impecável e já no primeiro quarto, quando o time abriu 16 pontos fez com que o adversário tivesse que correr atrás do placar durante o restante da partida.

Volta em São Paulo

      As próximas duas partidas da série serão em São Paulo, na terça e quinta-feira. Como são necessárias três vitórias para se conhecer o time classificado às semifinais, Joinville terá a oportunidade de jogar uma eventual quarta partida, em casa. Caso vença os dois jogos fora, elimina o Pinheiros e avança.

      Após a partida, o ala André Góes ressaltou a diferença no ritmo de jogo como fator determinante para a vitória, já que o Pinheiros vinha um tempo parado, enquanto Joinville disputava uma série dura contra Limeira-SP. “Foi o nosso ponto forte, trabalhamos isso e conseguimos a vantagem”, comemorou.

     Já o técnico José Neto preferiu ser mais comedido na comemoração. Em sua opinião, as coisas serão muito diferentes em São Paulo e será imprescindível manter o foco no jogo coletivo. “O Pinheiros é um time de brios e nós mexemos com os brios dele”, alertou.

Acesse e receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Basquete