33 Giga

Blog de tecnologia com serviços e notícias quentes da área. Dicas, tutoriais, testes e muito mais, de forma simples e descomplicada.

Coronavírus: itens de saúde apresentam aumento de 100% no e-commerce

Coronavírus: itens de saúde apresentam aumento de 100% no e-commerce - Photo by Kelly Sikkema on Unsplash

Coronavírus: itens de saúde apresentam aumento de 100% no e-commerce - Photo by Kelly Sikkema on Unsplash

O medo do coronavírus tem provocado impacto financeiro significativo. A queda expressiva nos níveis da Bolsa brasileira e a redução da projeção para o PIB deste ano são apenas alguns dos fatores divulgados recentemente. A epidemia global também é apontada como uma das razões para a queda significativa do e-commerce durante o mês de fevereiro, mostra um levantamento do Compre&Confie, empresa de inteligência de mercado focada em lojas virtuais.

Leia mais:
Coronavírus chega à internet: cibercriminosos aproveitam surto para disseminar malware
Vai trabalhar ou estudar em casa? Veja ferramentas online, gratuitas e essenciais

De acordo com as informações levantadas pela companhia, entre 1 e 19 de fevereiro foram realizados 10,1 milhões de pedidos no varejo online – valor que representa queda de 7,7% em relação ao período anterior à divulgação da doença. Nos dias analisados, o faturamento do setor foi de R$ 4,1 bilhões, redução de 5,2% em relação ao mesmo período de janeiro.

Por outro lado, a preocupação dos brasileiros com a saúde puxou para cima as vendas de itens desse setor. Segundo o Compre&Confie, nebulizadores e inaladores registraram aumento de 177,5% nas vendas em relação a janeiro. Já o comércio de gel antisséptico teve incremento de 165% no período.

Em relação às categorias que menos venderam durante o período, Câmeras, Filmadoras e Drones foi o setor mais afetado, com redução de 42,3% em relação a janeiro. Outras áreas que apresentaram considerável queda foram: Papelaria (-30,5%), Games (-30%), Eletrônicos (-19,4%), Suplementos e Vitaminas (-14,7%), Brinquedos (-13,1%) e Moda e Acessórios (-10,9%).

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Apesar de o assunto ser sério, os internautas brasileiros não perderam tempo e criaram uma série de memes sobre o coronavírus. Veja as melhores reações:

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

 - Foto: Divulgação/33Giga/ND

- Foto: Divulgação/33Giga/ND

Mais Conteúdo