Altair Magagnin

Informações e análises sobre a política catarinense, com prioridade para conteúdos exclusivos e inéditos. Notícias e opiniões contextualizadas com os bastidores do poder.

Processado por voto “sim” à Previdência, Rodrigo Coelho chama PSB de puxadinho do PT

Atualizado

Diante da instalação de um processo disciplinar pelo PSB, em virtude do voto a favor da reforma da Previdência, o deputado federal Rodrigo Coelho lançou uma dura nota contra o partido. Chamou a atitude de “lamentável”, ainda que por ele esperada. Para Coelho, o PSB adotou “uma postura de intimidação e de autoritarismo”.

“A dura realidade é que o partido se tornou um puxadinho do PT”, disse o catarinense. Coelho citou, entre os episódios que depõem contra a “democracia interna no partido”, a “expulsão arbitrária” do prefeito de Chapecó, Luciano Buligon (DEM), e também a destituição do diretório estadual do PSB.

Sobre a questão específica da Previdência, Coelho disse que votar “não”, como orientou o PSB, era “apostar no fracasso do país”.

Rodrigo Coelho – Divulgação/ND

Mais conteúdo sobre

Mais conteúdo