Patinetes e bicicletas de aluguel ocupam espaços públicos irregularmente

No início, as bicicletas ficavam na porta de uma pizzaria. Mas o estabelecimento conseguiu que elas fossem removidas para a calçada lateral - Carlos Damião
No início, as bicicletas ficavam na porta de uma pizzaria. Mas o estabelecimento conseguiu que elas fossem removidas para a calçada lateral – Carlos Damião

Onde quer que se instalem, esses serviços particulares de aluguel de patinetes elétricas e bicicletas vêm causando problemas, seja pela ausência de regras quanto à circulação dos veículos, seja pela falta de respeito aos espaços públicos: os equipamentos são largados de qualquer jeito em praças, calçadas e calçadões. Na região da Praia de Fora, os operadores do serviço de bicicletas chegaram a ocupar a calçada frontal de uma das mais tradicionais pizzarias de Florianópolis. A gerência da pizzaria conseguiu que as bicicletas sejam colocadas na calçada lateral, sem atrapalhar o movimento de clientes, mas obstruindo parte da passagem de pedestres. O problema se repete em outros locais da cidade. Nada contra o uso das patinetes e bicicletas, que são veículos ecologicamente sustentáveis e contribuem para melhorar a mobilidade urbana. Mas tudo contra o uso indiscriminao de espaços públicos e, também, o desrespeito às regras de trânsito.

Mais Conteúdo