Chapecoense recebe Ponte Preta precisando de recuperação no Brasileiro.

***Depois de três derrotas consecutivas, perder posições na tabela de classificação, se distanciar do G-4 e se aproximar perigosamente da zona de rebaixamento a Chapecoense do técnico Vinícius Eutrópio vive o momento mais turbulento dentro da competição e para amenizar esta situação apenas uma vitória interessa no jogo de amanhã contra a Ponte Preta. Qualquer outro resultado que não seja vitória a situação do treinador e do time podem se complicar ainda mais.

***No momento em que decidiu poupar jogadores e dar a entender que o jogo contra o Santos não era tão importante quando o jogo contra a Ponte Preta que é do mesmo campeonato que a Chapecoense o técnico Vinícius Eutrópio jogou uma carga de responsabilidade muito grande para este jogo de amanhã. Até por isso a pressão por uma vitória só faz aumentar.

***Mas a Chapecoense tem todas as condições de vencer a Ponte Preta mesmo com todo respeito que o adversário merece. Dentro de casa a Chapecoense cresce, com exceção do jogo contra o Corinthians quando o time não foi bem, nos jogos anteriores a Chapecoense vinha bem dentro da Arena Condá e tem todas as condições de reencontrar o caminho das vitórias.

***Chegou à hora de este time reencontrar o seu verdadeiro futebol. Jogar com mais garra. Brigar mais pela bola e voltar a ser muito mais ambicioso em busca da vitória. Chega de acomodação.

***É uma opinião quase unânime de que o grupo de jogadores da Chapecoense é bom. Tem qualidade e pode jogar bem mais do que vem jogando em algumas partidas principalmente fora de casa. É aí que entra a responsabilidade do técnico Vinícius Eutrópio.

***Não adianta ele ter um grupo de qualidade na mão se não consegue fazer o time render aquilo que dele se espera. O negócio é parar de inventar rodízio de jogadores que já deu errado no Campeonato Catarinense, escalar aquilo que tem de melhor e fazer este time jogar bem mais do que jogou principalmente nas últimas três partidas.

***Depois de três derrotas consecutivas o clima não é bom na Chapecoense. É de muita cobrança, mas com uma atuação convincente e uma vitória diante da Ponte Preta tudo isso pode melhorar. Isso depende única e exclusivamente do treinador e dos jogadores. Eles é que decidirão como vai ser o ambiente depois do jogo de amanhã.

***O momento é de cobrança, mas também de apoio porque é o momento mais difícil da Chapecoense na Série A do Brasileiro. O torcedor que sempre esteve ao lado do clube e do time com certeza vai mais uma vez fazer a sua parte comparecendo a Arena Condá e dando aquela força que o time vai precisar para superar a Ponte Preta. Lembrando mais uma vez que o jogo é às 11 horas.

Mais Conteúdo