Esplanada

Leandro Mazzini é jornalista, escritor e pós-graduado em Ciência Política pela UnB. Iniciou carreira em 1994 e passou pelo Jornal do Brasil, Gazeta Mercantil, Correio do Brasil, Agência Rio, entre outros. O blog é editado por Mazzini com colaboração de Walmor Parente e equipe de Brasília, Recife e São Paulo.

Governo de olho no gás natural do Sergipe

Atualizado

Com essa descoberta de reserva gigante de gás natural na camada do pré-sal na bacia do Sergipe, o Estado ganhou a atenção do Brasil e do mundo. O gás é tão valioso quanto o petróleo. E não por acaso, lembram empresários, dois dos homens mais ricos dos Estados Unidos são os irmãos Koch, que operam no setor.

O Governo quer tomar protagonismo no chamamento de investimentos (industrial, hoteleiro, comércio) junto a empresários. O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, desembarca hoje em Aracaju, a convite do deputado federal Laércio Oliveira (Progressistas), para o “Simpósio de Oportunidades – Novo Cenário da Cadeia do Gás Natural em Sergipe”.

O evento foi cancelado hoje de manhã logo após a fala do governador, porque um empresário se suicidou na plateia com um tiro.

Sinais

O Palácio jogou Sérgio Moro no Coliseu da Câmara, onde a base é fraca. Quarenta deputados da oposição apareceram para massacrar o ministro, contra 15 aliados.

Fuga da ordem

Os militares têm um novo problema interno. É alto o número de deserções nas Forças Armadas, constatou o Superior Tribunal Militar (STM) nos últimos anos.

Chico no Museu

O Museu Nacional ganhou apoio respeitável. Chico Buarque e outros mangueirenses aderiram à campanha para ajudar a instituição. De 10 a 12, a Mangueira promoverá oficina de percussão em benefício da recuperação do acervo prejudicado pelo incêndio do ano passado.

Soa música para os ouvidos da direção do Museu, que recusou empréstimo de acervos milenares de Herculano e Pompéia, da Itália, como publicamos. A direção do Museu alega que precisa de doação, não de empréstimo. Uma delegação de italianos voltou cabisbaixa para a Europa. Mas nada foi firmado de concreto ainda.

 

Cidade violenta

O conhecido epidemiologista Roberto Medronho, que mora no Rio, foi assaltado numa estação de metrô. O empurraram e levaram sua carteira em plena luz do dia. Em Paris.

Medronho está de férias com a família na Europa e ficou pasmo com o episódio na estação Châtelet. “Aos 60 anos, frequentador de rodas de samba no subúrbio, nunca fui assaltado no Rio. Deve ser duro viver em um lugar inseguro”, reclama o doutor.

Agenda

Fragilizado após a divulgação de supostas mensagens com procuradores da Lava Jato de quando juiz federal, Sérgio Moro tenta manter a normalidade à frente do cargo e intensificou a agenda positiva. Reforçou encontros e anúncios de medidas com outros colegas de Governo para evitar o isolamento.

Moro assinou, recentemente, com Tarcísio Freitas, da Infraestrutura, portaria interministerial que cria o Serviço Nacional de Notificação de Recall de Veículos. Semana passada, foi a São Paulo e posou sorridente ao lado do governador de São Paulo, João Dória (PSDB), ao receber a Grão-Cruz da Ordem do Ipiranga.

Emprego$

A aprovação da MP da Liberdade Econômica (881/2019) vai promover a retomada da geração de empregos no País. A projeção é do relator da medida, Jerônimo Goergen (Progressistas-RS). Ele menciona estudo técnico do Governo que aponta o impacto potencial sobre o PIB per capita e o emprego – ganho, no longo prazo, de 7% no PIB e de 4% na população ocupada.

É o Bicho

Originalmente brasileiro, o Jogo do Bicho completou 127 anos ontem. Tem em cada canto do Brasil, o povo gosta, movimenta milhões de reais. Só falta ser legalizado.

Mais Conteúdo