Esplanada

Leandro Mazzini é jornalista, escritor e pós-graduado em Ciência Política pela UnB. Iniciou carreira em 1994 e passou pelo Jornal do Brasil, Gazeta Mercantil, Correio do Brasil, Agência Rio, entre outros. O blog é editado por Mazzini com colaboração de Walmor Parente e equipe de Brasília, Recife e São Paulo.

Partidos já articulam candidaturas no Rio, SP e Recife

As articulações já avançam entre portas a menos de dois meses para os partidos definirem seus candidatos às prefeituras.

Em São Paulo, com a incerteza da candidatura à reeleição de Bruno Covas, o MDB lançou o apresentador de TV José Luiz Datena, que terá Márcio França (PSB) como principal adversário – e a possibilidade de nome do PT na vice.

Eduardo Paes (DEM) já conversa com líderes de partidos e de comunidades no Rio de Janeiro, enquanto o prefeito Marcelo Crivella tenta colar nos bolsonaristas.

Enquanto o presidente Bolsonaro e o governador Wilson Witzel não decidem quem lançar na cidade, o governador presidenciável paulista João Dória se antecipou com o nome do ex-ministro Gustavo Bebbiano (PSDB).

No Recife, cenário curioso: João Campos (filho do saudoso Eduardo), do PSB, e Marília Arraes (PT) podem duelar. Corre por fora a delegada de polícia Patrícia Domingos (Podemos), revelação ligada aos bolsonaristas da capital pernambucana.

Estreia da CNN

A CNN Brasil adiou sua estreia desta segunda-feira para 15. No dia das manifestações pró-Governo, quando vai cobrir ao vivo, e distribuir imagens pelo mundo.

Cardápio

A liberação de cassinos no Brasil entra no cardápio do jantar do presidente Jair Bolsonaro, na Flórida, com o presidente Donald Trump – que é amigo de Sheldon Adelson, seu financiador político. Adelson é dono dos maiores cassinos dos EUA.

É o deputado Eduardo Bolsonaro, filho de Jair e presidente da Comissão de Relações Exteriores, quem vai ser o tradutor do encontro. Eduardo caiu nas graças de Trump.

Assento livre

O Decreto presidencial 10.267 sobre regras de voos em jatos da FAB, publicado ontem, não tem novidades. Ministros de Estados – cargo que mais utiliza, há muitos Governos, para ir para casa com desculpa de compromissos oficiais – continuarão a usar os jatinhos. Presidentes da Câmara, Senado e STF, idem. Não houve nenhuma restrição.

Cartão vermelho

A Polícia Nacional do Paraguai investiga se Ronaldinho Gaúcho comprou o passaporte no país hermano para seguir agenda internacional imediata. Personagem global, garoto propaganda de multinacionais, o craque tem compromissos em diferentes países. Mas está com o passaporte brasileiro apreendido por processo de crime ambiental no Sul.

Com a moda de compliance em contratos, Ronaldinho corre sério risco de perder patrocínios com a prisão em Assunção, e também o título de embaixador da ONU.

Ciumeira

O senador Humberto Costa (PT) vive destilando ódio contra sua colega petista Marília Arraes, deputada federal, por não ter votado nele e no governador Paulo Câmara (PSB-PE) nas eleições de 2018. Mesmo a contragosto reconhece a intervenção da Executiva Nacional em favor da candidatura própria do PT para a Prefeitura do Recife neste ano.

Humberto Costa legisla em causa própria, pois foi justamente em 2018 que não fez nenhuma oposição em coligar-se com o seu inimigo Jarbas Vasconcelos (MDB), numa dobradinha vitoriosa para o Senado. A coligação rifou a candidatura de Marília ao Governo, articulação com aval do ex-presidente Lula da Silva.

UFC Brasília

Não, não é porradaria entre o Planalto e o Congresso. A capital federal recebe a edição mundial do evento no próximo sábado.

Víru$

Fabricantes brasileiros de produtos de álcool gel, luvas e máscaras de proteção facial exportaram todas as suas reservas para a China. E há encomendas.

Mais Conteúdo