Fabio Gadotti

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.

CDL de Florianópolis repudia paralisação do transporte coletivo

Atualizado

Protesto contra a reforma da Previdência deve paralisar transporte coletivo da Capital nesta sexta-feira (14) – Marco Santiago, ND

A CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Florianópolis soltou nesta quinta-feira (13) uma nota de repúdio contra a paralisação do transporte coletivo. O protesto nacional é motivado pelo projeto de reforma da Previdência.

“Virou rotina em Florianópolis a irresistível comichão de fazer a população de refém de interesses que atendem apenas a determinados segmentos, pouco importando o prejuízo que isso causa ao dia a dia dos demais”, afirma o presidente Ernesto Caponi.

“Repudiamos a atitude voluntarista e ideologizada daqueles que dolosamente prejudicam a sociedade os que, com o suor do seu trabalho, movimentam a economia”, complementa.

Caponi pediu que o poder público “faça fazer a lei”, atuando no sentido de fazer com a frota mínima em lei circule na cidade.

Mais conteúdo