Fabio Gadotti

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.

Coronavírus: comandante da PM catarinense determina “reserva operacional”

Medidas são tomadas para proteção dos policiais e preservar a capacidade operacional da PM – Foto: Flavio Tin/ND

O comandante-geral da PM catarinense, coronel Araújo Gomes, determinou medidas de ampliação do isolamento domiciliar na corporação para garantir uma reserva operacional nesse período de combate à pandemia do coronavírus.

Assinada neste domingo (22),  a ordem administrativa considera a necessidade de providências “para a proteção dos policiais e a preservação da capacidade operacional da Polícia Militar”, além da recomendação da quarentena como principal estratégia de prevenção ao Covid-19.

Formada por 10% a 25% do efetivo, a reserva operacional será composta por policiais em trabalho domiciliar, em sobreaviso na residência, de férias ou licença e também por aqueles afastados por suspeição de contágio pelo Covid-19 para pacientes assintomáticos.

Inicialmente, a reserva será para a reposição de PMs eventualmente afastados por suspeição ou confirmação de contaminação pelo coronavírus ou atendimento de demandas operacionais excepcionais.

Mais conteúdo sobre

Mais Conteúdo