Fabio Gadotti

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.

Depois de temporada frustrante, Florianópolis avalia desafios para próximo verão

Atualizado

Praia de Canasvieiras, no Norte da Ilha de SC, a preferida dos turistas argentinos – Marco Santiago,ND

Os representantes do setor turístico de Florianópolis estão mobilizados para acompanhar na quarta-feira da semana que vem a reunião da comissão de Turismo e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa que vai tratar do projeto que prevê a redução do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços) sobre o querosene de aviação.

A pauta é considerada prioritária para atrair mais voos à Capital e um dos fatores considerados importantes para reverter o quadro da temporada 2018/2019, que ficou sem os turistas argentinos e escancarou a dependência em relação ao país vizinho.

Algumas questões são consenso entre as lideranças do trade turístico, como planejamento e mais análises técnicas e qualitativas sobre as pesquisas de mercado. Uma das metas é trabalhar cada vez mais para diversificar o público, com divulgação de Florianópolis em outros países. Entre os estrangeiros quevisitaram Florianópolis na última temporada, apenas 7,74% são europeus e norte-americanos.

Mais conteúdo sobre

Mais Conteúdo