Fabio Gadotti

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.

Ministério Público cria força-tarefa para manutenção de equipamentos públicos

Atualizado

Sem manutenção periódica desde que foram inauguradas, pontes Colombo Salles e Pedro Ivo Campos, em Florianópolis, passam agora por obras de recuperação – Foto: Flavio Tin/ND

O Ministério Público estadual criou uma força-tarefa com o objetivo de tratar sobre a manutenção dos equipamentos públicos de infraestrutura, como pontes, trapiches e passarelas.

A iniciativa foi da 30ª Promotoria de Justiça da Capital, que já conta com a adesão dos órgãos de Defesa Civil estadual e municipal, Corpo de Bombeiros Militar, secretaria estadual de Infraestrutura, Crea (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura de SC), CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) e Amecon (Associação Metropolitana dos Consegs da Grande Florianópolis).

A primeira reunião será na semana que vem, quando serão definidas as prioridades na Ilha de SC e no Continente. Segundo o promotor de Justiça Daniel Paladino, a situação das pontes Colombo Salles e Pedro Ivo Campos foi decisiva para a decisão de fazer o levantamento e envolver Prefeitura de Florianópolis e governo do Estado.

“Não se tem a cultura de zelar pela manutenção dos equipamentos públicos depois de entregues”, afirmou.

A Ponte Hercílio Luz, que foi reaberta no dia 30 de dezembro depois de uma longa e cara obra de recuperação, também vai entrar no radar da força-tarefa.

O objetivo, de acordo com Paladino, é discutir uma ação permanente de manutenção da estrutura para garantir a preservação do patrimônio público, a segurança dos usuários e, também, evitar custos desnecessários ao erário no futuro.

Mais Conteúdo