Fabio Gadotti

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.

Projeto aprovado proíbe premiações diferenciadas a homens e mulheres

Atualizado

Proposta prevê que competições esportivas devem conceder premiações iguais a atletas homens e mulheres – Foto: Daniel Werneck/divulgação/ND

A Câmara de Vereadores aprovou nesta quinta-feira (13), em primeira votação, projeto que proíbe o pagamento de premiação diferenciada a homens e mulheres em eventos ou competições esportivas em Florianópolis apoiadas ou patrocinadas pelo poder público municipal.

Na justificativa, o autor Miltinho Barcelos (DEM) citou como exemplo torneio internacional de skate realizado na Capital em 2018 que destinou R$ 5 mil à atleta Yndiara Asp e R$ 17 mil a Pedro Barros, ambos campeões nas suas modalidades.

“Não há justificativa razoável para que se dê tratamento diferenciado a homens e mulheres nas arenas esportivas”, afirma.

O placar foi de 15 votos favoráveis e uma abstenção. Em caso de descumprimento, será aplicada multa aos organizadores, com os valores destinados ao programa Bolsa Atleta.

Mais conteúdo sobre

Mais Conteúdo