Fabio Gadotti

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.

Polêmica sobre transporte metropolitano mobiliza lideranças da Grande Florianópolis

Formado por 38 entidades empresariais e de representação de classe, o Comdes (Conselho Metropolitano para o Desenvolvimento da Grande Florianópolis) vai detalhar, na próxima quarta-feira, uma estratégia para pressionar pela implantação do sistema de transporte coletivo integrado. A decisão do governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) de retirar da Assembleia Legislativa o projeto que regulamentava o assunto, com esvaziamento da Suderf (Superintendência de Desenvolvimento da Grande Florianópolis), foi duramente criticada pelas lideranças.

A preocupação é com os próximos passos para a viabilização do edital de concessão dos serviços. “Esse retrocesso tem que ser revertido”, afirma o professor Werner Kraus Jr, do Observatório da Mobilidade da UFSC, que atuou ativamente na elaboração do plano. “Não podemos permitir esse recuo”, complementa Ernesto Caponi, presidente do Comdes.

O assunto foi discutido na sexta-feira em reunião que teria como principal convidado o governador eleito Carlos Moisés (PSL). Depois de confirmar presença, no entanto, Moisés cancelou presença em função de compromissos em Brasília..

Mais Conteúdo