Fabio Gadotti

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.

“Total falta de sintonia dos políticos em relação à sociedade”, diz Facisc sobre Câmara

Atualizado

Legislativo da Capital aprovou projeto polêmico na última sessão antes do recesso

“Qualquer aumento de gastos do poder público hoje é inaceitável, principalmente considerando a Câmara municipal que recebe o duodécimo da Prefeitura, e que deveria fazer o contrário”, afirmou Marcos Souza, vice-presidente regional Grande Florianópolis da Facisc sobre o projeto aprovado pelo Legislativo da Capital que aumenta a verba de gabinete e cria o vale-refeição.

Para ele, a Câmara “deveria se esforçar para economizar e devolver este recurso aos cofres do município para ser aplicado naquilo que a população mais precisa, principalmente nas áreas da educação, saúde, segurança, pública e infraestrutura”.

“Sabemos que o custo da máquina pública é altíssimo e todas essas benesses que nossos representantes políticos recebem estão na contramão do que o Brasil precisa e na contramão da realidade que vive. Hoje todo o empreendedor está passando, com raríssimas exceções, por problemas, tendo que enxugar os seus custos, despesas, gastos, quadro de funcionários, enfim, muitas empresas fechando. Isso mostra uma total falta de sintonia dos gestores públicos/políticos em relação à sociedade e ao que ela almeja”, complementa.

Mais conteúdo