Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.

Bastidores sobre o retorno do Renato para o Avaí

O Avaí anunciou no fim da manhã quarta(20) a volta do lateral e meia Renato que estava na Chapecoense. É um namoro antigo, há um bom tempo a diretoria da Ressacada esta monitorando o atleta que vestindo a camisa do oeste foi uma completa decepção.

Na primeira tentativa ,quando efetivamente o próprio Renato teve a consciência de que a sua passagem na Chapecoense não iria dar liga, os valores não foram acordados.

Na semana passada, um quero-quero que dá belos rasante pelo belo gramado da Ressacada me soprou o seguinte “vamos esperar ele encerrar o seu contrato para sabermos se realmente ele quer voltar e se está comprometido com a gente”.

A diretoria do Avaí não fala em valores, mas obviamente que o Renato teve que baixar o seu patamar salarial, justamente o motivo que o levou a sair do Avaí para vestir a camisa da Chape.

Sobre a sua saída da Ressacada por causa de um melhor salário, alguns torcedores questionaram o seu retorno. Argumentam de que ele foi “mercenário”.  Com todo respeito, bobagem. Nada mais do que uma relação comercial.

A diretoria está apostando em um jogador que nas duas passagens pelo Avaí foi titular, brilhou e ajudou em 2 acessos para a Série A, em 2016 com Claudinei Oliveira e em 2018 com o treinador Geninho.

Obviamente que a coluna não está aqui para fazer exercício de “futurologia” mas pelo que o Renato jogou e se identificou com a camisa do Avaí, a diretoria do Avaí acertou na opção de recontratá-lo.

E finalizando, o Avaí precisa do Renato que precisa e muito do Avaí. Que o jogador não esqueça disso.

. – Foto: .

Mais conteúdo sobre

Mais Conteúdo