Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.

Eutrópio aposta no entrosamento, fora de campo a entrevista coletiva que ninguém sorriu

É natural que o treinador Vinícius Eutrópio vá mudar o mínimo possível na escalação do Figueirense para o jogo de sábado diante do Vila Nova no próximo sábado. Até se permite uma ou outra alteração, mas por prevenção e prudência e pela base consistente deixada pelo treinador Hemerson Maria, Eutrópio vai com o time já entrosado e depois começa a colocar a sua digital no time para a sequência do campeonato brasileiro da série B.

Fora de campo o dia foi de “ressaca” entre os torcedores por causa da entrevista coletiva dos dirigentes do clube confirmando a manutenção da parceria. Por parte da torcida o temor é de que mais jogadores titulares sigam o mesmo caminho do goleiro Dênis e deixem o clube. Por parte dos conselheiros há um movimento para contestar o que foi decidido pelo Conselho Consultivo.

Aliás, sobre a entrevista coletiva do dirigentes e notáveis da última quarta, o caro leitor e caríssima leitora percebeu os semblantes fechados e de preocupações de todos os componentes da mesa? Apesar de palavras otimistas, ninguém sorriu!

Uma coisa é certa, o clube precisa de estabilidade. E pelo que parece, isso ainda está longe de acontecer.

Mais conteúdo sobre

Mais conteúdo