Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.

Fala, Alberto Valentim!

Alberto Valentim – Frederico Tadeu/Avaí/ND

O treinador Alberto Valentim concedeu entrevista coletiva nesta tarde de sexta(19) na sala de imprensa do estádio da Ressacada. Sem definir a escalação do Avaí para o confronto diante do Goiás reafirmou que cobra do time dinâmica e inteligência para buscar os resultados.

Abaixo alguns destaques!

Nós analisamos bem esse primeiro jogo. Vi algumas coisas boas e outras que precisam serem melhoradas. Foi cobrado a semana inteira. E quanto aos treinamentos, o time ainda não está definido.

Para melhorar esses gols que vão sair é trabalhar muito. Para que aconteça o gol, a chamada penúltima bola tem que ser de qualidade

O Bruno Sávio é um jogador importante e vai para o jogo. Depois vamos ver se ele sai jogando. O Daniel Amorim é um jogador que a gente conta muito. Ajuda a dar o combate nos zagueiros

A gente precisa ter uma dinâmica maior de movimentações e que a bola gire mais vezes. E esperando que os gols apareçam nessas dinâmicas.

O Julinho fez dupla com o Pedro Castro e não cobro deles qual é o primeiro marcador ou quem faz a jogada. Eles tem que alternar, mas com muita responsabilidade de marcação de qualidade.

Falei com o Douglas rapidamente depois do jogo. Ele tem uma técnica superior e precisa recuperar a sua condição técnica. Para isso que tem que treinar – está se dedicando muito – e adquirir ritmo de jogo

Nós vamos jogar em casa e o torcedor estará aqui para apoiar. Muito legal durante a semana a presença deles com faixas de incentivo. Quanto mais o torcedor ficar perto da gente, melhor nós vamos ficar.

Mais conteúdo sobre

Mais conteúdo