Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.

Master do Figueirense se manifesta sobre a conta bloqueada.

Na coluna de ontem publicamos que a conta corrente do Master do Figueirense foi bloqueada pela Justiça do Trabalho por causa do momento vivido pelo clube.

O Master do Figueirense através do seu presidente Jailton Quintino se manifesta através de uma “Carta Aberta Argumentativa”, cujo o texto integral e fiel está publicado abaixo.

A coluna torce para que tudo se solucione da melhor maneira possível e justa. A coluna reconhece o trabalho desenvolvido por esses atletas e do amor ao Figueirense.

Carta Aberta Argumentativa

Fpolis,14 de agosto de 2019

A Associação Cultural, Recreativo, Esportivo, Filantrópica, Master do Figueirense Futebol Clube, seus Associados, e Diretores, preocupados e constrangidos pelo imbrólio jurídico em que se viu envolvida, vem a público informar que o arrolamento da Associação na Reclamatória Trabalhista ajuizada pelo Sr. José Mário Campez foi totalmente equivocada, uma vez que a Associação não tem qualquer vínculo administrativo com o Figueirense Futebol Clube, possuindo CNPJ distinto, recursos próprios, que em nada se comunica com o Clube.

Ocorre que a confusão feita pelo Reclamante e seus procuradores, acabou induzindo o judiciário ao erro, acarretando o bloqueio da conta bancária da Associação, sendo que o nosso departamento jurídico já está tomando as medidas cabíveis para sanar o equívoco e liberar os valores indevidamente bloqueados.

Cabe salientar ainda que, o arrolamento equivocado por parte do Reclamante está prejudicando a imagem de uma instituição digna e honesta criada por ex-atletas profissionais e amigos que tem como fins objetivos filantrópicos, conforme seu estatuto.

Ressalta-se que o Master do Figueirense nunca recebeu nenhum recurso financeiro oriundos do Figueirense Futebol Clube e que sua receita provém única e exclusivamente das mensalidades dos seus Associados e de patrocínios de empresários locais.

Reafirmamos e nos posicionamos com a certeza de que este equivoco jurídico será solucionado o mais rápido possível, onde a verdade se restabelecerá.

Saudações desportivas

Jailton Quintino
Presidente Master
Figueirense

Mais conteúdo sobre

Mais conteúdo