Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.

O clássico ainda não terminou: vem aí o terceiro tempo

O clássico entre Figueirense e Avaí do último domingo no estádio Orlando Scarpelli ainda não terminou.

Normalmente rende pelo que acontece dentro do gramado.

A vitória do Avaí por 2 x 0 vai ser motivo de muitas brincadeiras entre os torcedores até o próximo reencontro dessas duas equipes rivais.

Mas o último clássico vai ter uma espécie de terceiro tempo fora dos gramados: nos tribunais.

O Figueirense, na sua própria nota de repudio, publicada na noite do último domingo nas suas redes sociais, já antecipou que o clube terá prejuízos em virtude de punições por culpa de dois torcedores que invadiram o gramado para ir tirarem satisfações com o meia Bruno Silva do Avaí.

A diretoria do alvinegro também lamenta que terá que fazer os devidos reparos nos vidros quebrados e nas cadeiras danificadas do estádio. Promete rigor contra esses vândalos.

Pelo lado do Avaí, o departamento jurídico se previne e começa a preparar a defesa do meia Bruno Silva que tentou acertar com um chute a cabeça do torcedor invasor.

Se num clássico frio, modorrento e sem emoções o jogo não termina após o apito final do árbitro, imaginem esse que foi bastante agitado dentro e fora de campo.

.

Mais conteúdo sobre

Mais Conteúdo