Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.

Reunião dos dirigentes do futebol com o Governador: Otimismo contra a Realidade.

Apesar de terem saído otimistas da reunião com o Governador Carlos Moisés na manhã de hoje (12) no Palácio da Agronômica, Rubens Angelotti, presidente da FCF (Federação Catarinense de Futebol), Francisco Battistotti e Cláudio Gomes, presidente e CEO da SC Clubes (Associação de Clubes Profissionais de Santa Catarina) sabem que para a bola voltar a rolar pelo estadual no início do mês de junho um longo e tortuoso caminho precisa ser trilhado.

Até porque não depende apenas do Governador que exatamente há duas semanas afirmou em entrevista coletiva que dificilmente a bola rolaria antes do final do inverno porque não tinha a certeza de como seria o comportamento do vírus após a chegada do frio.

Apesar das promessas de que os órgãos públicos vão “analisar com a atenção essa solicitação” a decisão final depende muitos mais de que apenas uma assinatura, mesmo que seja a assinatura de um governador ou prefeito: depende dos números coletados pela Secretária da Saúde; do movimento dos hospitais, e da reação de como a COVID-19 se propaga em nosso estado.

Por parte dos dirigentes, é preciso registrar que não estão pecando pela omissão. Estão tentando buscar uma solução conversando com as autoridades, criando comissões de trabalhos e apresentando alternativa para que o calendário seja cumprido, desde que sejam resguardados a saúde de todos os envolvidos, é bom deixar claro.

Na reunião desta terça(12), a projeção da volta do estadual ficou para o início do mês de junho. Apesar do otimismo, a maioria dos torcedores e torcedoras não acreditam no retorno do estadual nesta data (leiam no comentário abaixo).

Até aqui o coronavírus é o dono da bola e não quer dividir ela com mais ninguém.

Enquete

Assim que saiu a nota oficial sobre a reunião dos dirigentes do nosso futebol com o Governador do Estado, a coluna perguntou nas mídias sociais se o torcedor ou torcedora acredita que a bola volte a rolar no início de junho. Detalhe: a pergunta não é se estão contra ou a favor do retorno, e sim se acreditam ou não (SIM ou NÃO). A grande maioria respondeu que não acredita que no dia 1 de junho ocorram os jogos das oitavas de finais do campeonato catarinense. A enquete pode ser conferida aqui: ENQUETE 1 e aqui ENQUETE 2

.

Mais Conteúdo