Fábio Machado

Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.

Vitória 2 x 2 Figueirense: Nota dos jogadores e avaliação do treinador Pintado

PEGORARI – Boa defesa na primeira etapa e por pouco não pega o pênalti cobrado pelo Carleto. Precisa maneirar na cera. NOTA 7

LUIS RICARDO – Boa partida. Premiado com um belo gol de cabeça. NOTA 7

ALEMÃO – Quando pressionado bate cabeça. Fortes emoções. NOTA 5

PEREIRA – Cometeu um pênalti bobo no final da partida. Inseguro. NOTA 4

CONRADO – Falhou no primeiro gol do Vitória. Precisa ser mais ousado no ataque. NOTA 5

PATRICK – Toda bola que pega toca para trás ou para o lado. Precisa ser mais efetivo na criação. NOTA 5

TONY – Carimbou toda bola no meio de campo, mas com pouco senso de criação. Positivo nas estatísticas. NOTA 6

KAUÊ – Entrou e não ajudou em nada. Ficou pequeno com a pressão do Vitória. NOTA 4

FELLIPE MATEUS – Jogou dentro das suas características: não é constante mas tem bom momentos de brilho na partida. NOTA 7

VICTOR GUILHERME – Não entrou bem na partida. NOTA 4

JEFFERSON RENAN – Apagado. A sua pior partida com a camisa do Figueirense. NOTA 3

ODILÁVIO – De certa forma a surpresa na escalação e no jogo com um belo gol. NOTA 7

BRENO – Ah, garoto. Teve nos pés o gol da vitória no final do jogo. No primeiro tempo, quase marcou após grande jogada. NOTA 7

RAFAEL MARQUES – Diante do Criciúma fez a sua melhor partida com a camisa do Figueirense, diante do Vitória, a pior. NOTA 3

PINTADO – Com os problemas que teve na escalação entrou a possível melhor equipe. Mérito na entrada do Odilávio que marcou o gol da virada do Figueirense. NOTA 7

VITÓRIA – Apesar de ter bons jogadores, o Vitória peca pela falta de ligação entre os setores da equipe e “displicência” dos seus atacantes. Não deve ser rebaixado. NOTA 6

Mais Conteúdo