Iluminação pública

A Secretaria de Administração e Planejamento da Prefeitura de Joinville confirmou nesta segunda (6) o parecer da comissão de licitação e indeferiu o recurso apresentado pela Philus e uma solução ficou mais próxima. A empresa de Ponta Grossa foi desclassificada da licitação aberta para “prestação de serviços técnicos especializados para operações integradas do sistema de iluminação pública” de Joinville. A Prefeitura concluiu, assim, a determinação do Poder Judiciário, que foi de analisar o recurso da Philus. Com isso, o próximo passo deve ser a assinatura de contrato com o consórcio vencedor, que tem a participação da Engeco de Joinville.

Divulgação/Secom/ND

Novo espaço. Os alunos do CEI (Centro de Educação Infantil) Mundo Azul, no bairro São Marcos, passam a contar com mais um espaço de recreação e aprendizado, a “Vila Pet Feliz”, projeto que eles mesmos ajudaram a construir e que garantiu o primeiro lugar na 2ª Feira de Ciências, Inovação e Tecnologia de Joinville
Divulgação ATP/ND

Encontro. Patrício Júnior (D) durante audiência com o ministro dos Portos

Dragagem em Itapoá

Durante audiência ontem (7), em Brasília, com o ministro da Secretaria Especial dos Portos, César Borges, o presidente do Porto Itapoá, Patrício Júnior, destacou a importância de investir na dragagem dos acessos aos portos brasileiros. Patrício Júnior, que também é vice-presidente do Conselho da Associação de Terminais Privados, acompanhou o presidente da entidade, Murilo Barbosa.

PT x PMDB

Em Balneário Barra do Sul, o PMDB do prefeito Ademar Borges levou grande vantagem sobre o PT do ex-prefeito Antônio Rodrigues, que foi seu adversário em 2012 e deverá ser novamente em 2016. Todos os candidatos apoiados por Borges venceram com larga vantagem de votos, como foi o caso do governador Raimundo Colombo, 52,75% contra 20,86% de Cláudio Vignatti  e Dário Berger (PMDB), que teve 41,56% contra 21,60% de Milton Mendes. Mauro Mariani (PMDB) recebeu 1.751 votos, contra 976 do ex-ministro Altamir Gregolin (PT), apoiado por Fernandes.

“Ficou claro que boa parte da população joinvilense também buscava mudanças na administração estadual.” Senador Paulo Bauer (PSDB), ao comentar os números da eleição em Joinville, onde ele ficou atrás de Raimundo Colombo por apenas 2.200 votos.

Coordenador

Um dos motivos para sua candidatura a governador foi a de oferecer um palanque para Aécio Neves em Santa Catarina, mas o senador Paulo Bauer conseguiu muito mais, ao contribuir com a maior vitória dele nos Estados. Em Santa Catarina, Aécio obteve 52,89% dos votos. Bauer é o coordenador da campanha do PSDB no segundo turno no Estado. É um dos nomes citados para ocupar um ministério, em caso de vitória de Aécio.

Fabio Dalonso

Fabio Dalonso (PSDB) quer continuar na Câmara de Vereadores e descarta retorno à Secretaria de Habitação. “Já cumpri minha missão (na secretária) e vou completar meu mandato”, justificou. Aliás, se estivesse filiado ao PSB, Dalonso estaria eleito. Ele fez 16.534 votos e Salvaro (PSB) foi eleito com 14.986.

Sidney Sabel

O vereador Sidney Sabel (PP) passou a ser o candidato a deputado estadual mais votado na história de Pirabeiraba. Entre os 14.221 votos que recebeu, 4.858 foram no distrito onde ele reside. Por outro lado, ele ampliou sua votação nos outros bairros de Joinville, com 5.823 votos fora de Pirabeiraba.

Xerife

No último domingo, por volta das 5h da manhã, durante a “onda de atentados” em Joinville, o comandante do 8º BPM, tenente-coronel Nelson Coelho, estava circulando no bairro Comasa quando percebeu algumas pessoas conversando. Um deles fugiu de bicicleta quando viu a viatura. Coelho e o motorista conseguiram prendê-lo e o suspeito de 63 anos foi levado ao Distrito Policial. Confessou que havia assaltado um bar na rua Apucarana e com ele estavam os R$ 320 do assalto. Por decisão judicial, o réu-confesso foi liberado no mesmo dia.

Fiscalização

Em breve, os moradores dos bairros Saguaçu, Centro e Costa e Silva devem receber a fiscalização da Companhia Águas de Joinville. A vistoria é sobre a conexão à rede de esgoto. Estes bairros já têm rede de esgoto instalada, mas falta a ligação do imóvel à rede, que é de responsabilidade do proprietário. E não custa barato. Muitos adiam a ligação porque isso vai representar 80% de aumento na fatura de água. É que a taxa de esgoto passa a ser cobrada.

mURAL

– Em dois anos, a concessionária Hyundai Bari, do Grupo Barigüi, vendeu cerca de 600 veículos HB20 em Joinville.

– Acordo entre os partidos decidiu que não será utilizado o famoso “cavalete” na campanha do segundo turno no Rio Grande do Sul.

– Uma boa sugestão para Santa Catarina.

– A Câmara de Vereadores de Joinville recomeçou ontem (7) a tradução simultânea das sessões na Libras (Língua Brasileira de Sinais ).

– Reforma do ginásio Abel Schulz ficou para 2015.

– Já a reforma do Ivan Rodrigues (Max Colin) nem recurso tem. Vai demorar.

Mais conteúdo

Nenhum conteúdo encontrado