Marcos Cardoso

A sociedade da Grande Florianópolis, os eventos culturais e as tradições da região analisadas pelo experiente jornalista Marcos Cardoso.

Nazir Felício Elias, fundador da Casa Elias, morre na Capital

Atualizado

Está sendo velado na Casa Mortuária São Francisco de Assis, no Sul do Rio, em Santo Amaro da Imperatriz, o corpo do comerciante Nazir Felício Elias, que morreu ontem (18) aos 82 anos devido a complicações ocasionadas por deficiência cardíaca. O sepultamento será no cemitério anexo à Igreja Matriz após a missa de corpo presente, às 10h de hoje (19).

Com Nazir vai embora parte da memória do setor lojista que marcou a região central de Florianópolis. Ele e o irmão João, falecido há seis anos, fundaram na década de 1960 a Casa Elias, que se tornou referência em confecções e ganhou clientela fiel. Foram mais de 40 anos de sociedade, e as portas continuam abertas na rua João Pinto.

Tido como boa-praça, brincalhão, Nazir era muito querido. Tal qual personagens de livros, filmes e novelas, era o típico descendente de família libanesa que aportou no Brasil para viver do comércio. A dele fixou-se na década de 1920 em Santo Amaro da Imperatriz, onde a atividade lojista começou até chegar na Ilha.

Nazir deixa a mulher Maria Bernadete Silveira Elias, filhos, netos e mais um monte de gente com saudade.

Os irmãos Nazir (à esq.) e João Felício Elias – Arquivo pessoal/Divulgação/ND

Mais conteúdo