Mercado

Blog com notícias e informações do mercado financeiro, econômico.

Engie Brasil Energia anuncia mudanças na diretoria

Atualizado

Nesta quarta-feira, 31 de julho, a Engie Brasil Energia recebeu os pedidos de renúncia do Diretor de Estratégia e Regulação, Edson Silva, e do Diretor de Desenvolvimento de Negócios, Gustavo Labanca. A saída de Gustavo já estava prevista pela empresa, visto que o executivo assumiu como diretor-presidente da TAG, companhia de transporte de gás recentemente adquirida pela Engie. Gustavo irá se dedicar integralmente ao novo negócio da Engie e responderá pela diretoria de Desenvolvimento de Novos Negócios até o próximo dia 15 de agosto.

Já Edson Silva, que exercia o cargo de diretor de Estratégia e Regulação da Engie Brasil Energia desde 2011, irá assumir como diretor-presidente da ESBR, Energia Sustentável do Brasil, sociedade de propósito específico que administra a Usina Hidrelétrica Jirau, da qual a Engie possui 40% de participação. A transição de Edson irá ocorrer até o dia 30 de setembro.

“A Engie Brasil Energia é muito grata aos dois executivos. Eles foram essenciais para traçar a trajetória de sucesso que temos nestes mais de 20 anos de história no Brasil. O Edson e o Gustavo representam o espírito de inovação e empreendedorismo que a Engie implementa em suas atividades”, comenta Maurício Bähr, presidente do conselho da Engie Brasil Energia. “Desejamos todo o sucesso nos novos desafios que irão enfrentar”, conclui.

Para a sucessão das posições de diretoria, a companhia reafirma sua cultura de formar executivos internamente, otimizando as competências “da casa” e o engajamento de seus colaboradores. Assim, o atual gerente de Desenvolvimento de Novos Negócios, Guilherme Ferrari, ocupará o cargo de Diretor de Novos Negócios, Estratégia e Inovação da Engie Brasil Energia. Com formação em Engenharia Mecânica, graduação em Administração de Negócios, MBA em Finanças pelo Ibmec e MBA Executivo pela FDC, Guilherme ingressou em 2007 como Consultor de Desenvolvimento de Negócios. Em sua carreira, atuou em áreas diversas, tendo desempenhado a função de Gerente Financeiro e consultor.

Para a sucessão de Edson Silva na Diretoria Regulatória, a empresa contará com o atual gerente de Trading da Engie Brasil Energia, Marcos Keller Amboni. Engenheiro Eletricista, graduado e mestre pela UFSC, Keller possui MBAs em Gestão Empresarial, pela FGV e FDC. Iniciou sua carreira no Operador Nacional do Sistema (ONS), e, em 2005, assumiu seu primeiro desafio na Engie, na área de Planejamento Comercial. Em 2011 passou a ser gerente de Regulação e Mercado, função que ocupou até 2017.

Para concluir as nomeações, a Engie Brasil Energia também definiu a sucessão na Diretoria Financeira. Marcelo Malta, atual gerente de Contabilidade, ingressa no posto aberto desde a saída de Carlos Freitas e ocupado interinamente por Eduardo Sattamini, diretor=-presidente da companhia. Com formação em Ciências Contábeis e MBA em Gestão de Negócios, Malta atua na Companhia desde 2005, tendo sido responsável também pela área de Planejamento e Controle Financeiro.

Mais conteúdo sobre

Mais Conteúdo