Paulo Alceu

Análises qualificadas e comentários assertivos acerca dos assuntos mais relevantes para os catarinenses.

A caminho do fim

Atualizado

Pois é, a Taxa de Proteção Ambiental cobrada atualmente em Governador Celso Ramos e em Bombinhas, que foi a pioneira, subiu no telhado. Vem demonstrando nas comissões que não terá grandes chances de ser mantida. Já foi bombardeada na Comissão de Finanças. Há uma forte rejeição por parte de muitos parlamentares que consideram ser mais um ônus para o cidadão. Na Europa, por exemplo, essas taxas estão inseridas na conta do hotel. Itália, Portugal, Alemanha, França, cobram uma taxa de turismo visando manter e modernizar as atrações de uma região. Aqui a intenção era a mesma, mas com o apelo de proteção ambiental. Ocorre que denúncias de desvio de finalidade acabaram levantando suspeitas em relação a taxa. Só depois das audiências públicas em Porto Belo, Biguaçu e São Francisco do Sul é que a plenário irá se manifestar. A tendência é de aprovação e com isso a TPA cai do telhado…

Mais Conteúdo

Paulo Alceu

Pois é , a reunião de hoje com representantes da Aprasc , para dar continuidade às negociações salariais […]

Paulo Alceu

O deputado Ivan Naatz reagiu a indicação da deputada Paulinha do PDT como líder do governo Moisés. Ele […]