Paulo Alceu

Análises qualificadas e comentários assertivos acerca dos assuntos mais relevantes para os catarinenses.

Mais uma exoneração

Agora foi a vez da Procuradora geral do Estado, Celia Iraci da Cunha. E já foi indicado o novo procurador para não perder tempo evitando abrir espaço para especulações e comentários. É Alisson de Bom de Souza, que atuava na Casa Civil. Ele ingressou nos quadros da Procuradoria em 2010 atuando em Criciúma e depois foi transferido para a Procuradoria do Contencioso em Florianópolis. O governo não deu detalhes sobre a exoneração da procuradora, mas comenta-se que o aumento de salário concedido aos procuradores, que serviu de base para o pedido de impeachment do governador que acabou arquivado, teria gerado todo o desgaste atingindo a procuradora e tornando sua permanência no cargo complicada. Esse tema continua em efervescência, agora, no Ministério Público que na semana que vem vai analisar no Colégio de Procuradores novos elementos que podem intimar o governador e também envolver a procuradora, hoje exonerada.

Mais Conteúdo