Conteúdo por Gazeta Esportiva

Novo número 3 do mundo, Esquiva Falcão espera disputar cinturão ainda em 2020

O último ranking divulgado pela IBF (Federação Internacional de Boxe), divulgado neste mês, colocou o brasileiro Esquiva Falcão como o número 3 do mundo. O medalhista olímpico subiu de posição após vitória por nocaute contra o argentino Jorge Daniel Miranda no Boxing For You, no dia 29 de fevereiro, em São Paulo. A pandemia do novo coronavírus paralisou o mundo do boxe, mas o lutador ainda espera disputar o cinturão mundial em 2020.

“Os números da minha carreira, o ranking da IBF e dos demais, onde estou entre os melhores também, e minhas atuações provam que estou na boca do gol, com chances reais de fazer uma luta por cinturão ainda este ano. A pandemia de coronavírus infelizmente fez com que as lutas de todos fossem canceladas. Uma pena e agora é a saúde do mundo que importa. Porém não parei de treinar mesmo em casa”, disse Esquiva Falcão.

Esquiva Falcão derrotou o argentino Jorge Daniel Miranda no dia 29 de fevereiro

O medalhista de prata nas Olimpíadas de Londres 2012 subiu do quinto para o terceiro posto da categoria dos médios após o nocaute no final de fevereiro. O atual número um da categoria é o cazaque Gennady Golovkin. Sergio Batarelli, técnico de Esquiva e CEO do Boxing For You, afirmou que o brasileiro está pronto para disputar o cinturão.

“Trazer o Esquiva Falcão para lutar no Brasil foi mais uma decisão acertada da nossa equipe, pois além de motivar o atleta perto da família e de sua torcida, dá uma chance de mostrar ao público e à Top Rank que ele está pronto para disputar esse cinturão. A hora está chegando e certamente teremos esse anúncio assim que todo esse problema de saúde mundial acabar”, explicou Batarelli.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...