Ciclista de Rio do Sul tem melhor posição entre catarinenses na Copa do Mundo de Mountain Bike

Gabriel Gaertner, natural de Ibirama, conquistou a 14ª colocação no Cross Country Olímpico (XCO), da Junior Series

Três catarinenses participaram, no último sábado (8), da prova do Cross Country Olímpico (XCO) da Junior SEries, no São José Bike Club, em Itaipava, Petrópolis, no Rio de Janeiro.

Entre brasileiros, chilenos, argentinos, paraguaios e mexicanos, o ciclista Gabriel Gaertner, de 17 anos, natural de Ibirama, estreou sua participação na Copa do Mundo, onde representou Rio do Sul. Ele alcançou a 14ª colocação e terminou a prova como melhor catarinense ranqueado.

Apesar de não largar bem, Gabriel manteve um bom ritmo na terceira das quatro voltas da prova Júnior masculina, com pista de 4,5 km – Foto: Divulgação/Nata Giacomozzi/NDApesar de não largar bem, Gabriel manteve um bom ritmo na terceira das quatro voltas da prova Júnior masculina, com pista de 4,5 km – Foto: Divulgação/Nata Giacomozzi/ND

Foram 30 participantes na categoria Junior Series, disputada por Gabriel. Ele largou na terceira das cinco filas dispostas na competição, cada uma com oito competidores.

“Quando arranquei, um atleta chileno enroscou com outro competidor catarinense e acabou tendo um enrosco, trancando a minha partida. Fui o último a largar em função deste contratempo”, relembra Gaertner.

O morador de Ibirama foi o último no pelotão da trilha. Durante o percurso, ele ultrapassou cinco atletas, manteve o ritmo e a constância e, da 30ª posição em que largou, alcançou a 14ª na linha de chegada.

Atleta arrancou na 30ª posição e cruzou a chegada na 14ª – Foto: Divulgação/Nata Giacomozzi/NDAtleta arrancou na 30ª posição e cruzou a chegada na 14ª – Foto: Divulgação/Nata Giacomozzi/ND

Apesar da largada ruim, ciclista ultrapassa competidores

Apesar de ter sido a primeira vez e de ter superado limites, Gabriel acredita que, se não fosse o problema durante a arrancada, conseguiria estar no “top 10” da competição.

“Eu saí da 30ª e consegui alcançar a 14ª faltando apenas ultrapassar quatro atletas para estar no top 10. Acredito que tinha chance de alcançar este nível se não fosse o problema quando arranquei”, afirma o ciclista.

Ele conseguiu completar a prova em uma hora e cinco minutos. O vencedor da competição fechou a prova em 56 minutos e 29 segundos.

Para Gabriel, esta foi uma experiência fantástica que demonstrou um bom nível de competição. “É o sonho de qualquer atleta de Mountain Bike correr uma copa do mundo. Certamente importante para minha carreira. Vi que meu nível era bom, embora tenha que melhorar muito, a exemplo do que ocorreu na minha largada. Além disso, a organização da prova, a disposição dos obstáculos e a parte técnica do evento estavam perfeitos”, diz o ciclista.

Competidor de Blumenau arranca bem, mas fica em 22º lugar

Também do Vale do Itajaí, o ciclista Axel Krüger, de Blumenau, participou da Copa do Mundo de Mountain Bike XCO. Ele largou bem, na primeira fileira, mas terminou com o 22º lugar na competição. Em uma rede social, Krüger disse que a prova foi desafiadora.

“Estou feliz por completar a prova e me divertir nela, já que a pista era muito desafiadora por conta da exigência técnica”, ressaltou.

Eiki Leôncio é campeão brasileiro da categoria Júnior

Eiki Leôncio é o atual campeão brasileiro da categoria Junior, venceu a disputa do cross country olímpico (XCO) da Copa do Mundo de MTB com uma vitória solo com 1min13s de vantagem e fechou com o tempo de 56min29s. O mexicano David Elias Rico foi o 2º colocado, junto com o colombiano Diego Stiven Solano, que terminou em 3º.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...