Busca por idosa desaparecida em mata de Florianópolis chega ao fim após 12 horas

Para localizar a idosa, os agentes deram uma palmilha de calçado da vítima para a pastor-belga Juliet farejar

Após permanecer quase 12 horas perdida em região de mata no bairro Sambaqui, em Florianópolis, uma senhora, de 60 anos, foi resgatada por agentes da GMF (Guarda Municipal de Florianópolis). O salvamento nesse sábado (18) contou com o apoio da equipe do NOC (Núcleo de Operações com cães da GMF).

Idosa é localizada com o auxílio da cachorra Juliet – Foto: Reprodução/GMF/NDIdosa é localizada com o auxílio da cachorra Juliet – Foto: Reprodução/GMF/ND

O subcomandante da GMF, Ricardo Pastrana, contou que os agentes receberam o pedido de ajuda de populares sobre o desaparecimento. “Diante da situação, entramos em contato com um dos familiares e pegamos um objeto pessoal da desaparecida”, esclareceu.

Para localizar a idosa, os agentes deram uma palmilha de calçado da vítima para a cachorra Juliet farejar. Com isso, bastou ao grupo de busca seguir a “trilha do odor” para localizar a vítima desaparecida.

A idosa saiu de casa por volta das 7h e só foi localizada próximo das 18h. De acordo com a GMF, a vítima não fazia uma trilha. Ela sofre de uma doença que altera a percepção da realidade.

Juliet é uma pastor-belga malinois de 5 anos – Foto: Reprodução/GMF/NDJuliet é uma pastor-belga malinois de 5 anos – Foto: Reprodução/GMF/ND

“Como é bom ver uma menina de farda. Gratidão! Eu me perco até de mim mesmo as vezes”, brincou a vítima ao ser resgatada pelos agentes municipais.

Apesar do salvamento ter sido realizado com segurança, a senhora apresentava sinais de desorientação e cansaço, segundo os agentes da GMF. A idosa também apresentava um ferimento no joelho.

Antes de voltar para a sua residência, a idosa foi atendida por uma equipe médica.

Desaparecido por oito dias

Cláusuo Alberto dos Santos, de 38 anos, retornou para casa oito dias após desaparecer ao sair para abastecer a motocicleta, em Florianópolis. O homem voltou para casa no morro do Horácio, na região do Maciço do Morro da Cruz, na madrugada do dia 28 de agosto. Confira a história completa aqui.

Uma busca que não chegou a ser tão longa

Um mistério cerca o desaparecimento de três irmãos na madrugada desta quarta-feira (15), no bairro Rio Vermelho, em Florianópolis. A Polícia Civil encontrou as três crianças na casa de um homem, duas quadras da servidão Maurílio Nunes, que foi o local do desaparecimento. Os irmãos são: um menino, de 4 anos; e duas meninas gêmeas, de 9 anos. Confira mais neste link.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Cidadania

Loading...