Sabrina Aguiar

sabrina.aguiar@ndtv.com.br Coluna sobre os assuntos de Joinville e região. A economia, segurança pública, política e todos outros fatos por quem vive e pensa sobre as cidades.


Centro Pop de Joinville em outro lugar? Só no ano que vem

Moradores e comerciantes em reunião pediram por mais segurança e medidas a curto prazo; tela deverá ser colocada no hall de entrada do local

A transferência do Centro Pop passou a ser um pedido e até uma proposta em análise pelo prefeito Adriano Silva (NOVO), desde que a reivindicação foi levada até ele. Isso porque moradores do entorno, bairro Anita Garibaldi, reclamam da falta de segurança desde a inauguração do local que fica ao lado da Rodoviária de Joinville.

Mas por enquanto, sair dali ainda não é solução a curto prazo. Em reunião com representantes da Câmara de Vereadores, Polícia Militar, Secretaria de Proteção Civil e Segurança Pública, Guarda Municipal e Secretaria de Assistência Social dos com moradores e comerciantes, um novo local para o Centro POP só a partir do segundo semestre de 2020.

Tela de proteção deverá ser colocada no Centro Pop – Foto: centro pop DivulgaçãoTela de proteção deverá ser colocada no Centro Pop – Foto: centro pop Divulgação

A secretária de assistência social, Fabiana Ramos da Cruz Cardoso, disse que o Executivo neste momento ainda está procurando um terreno onde seja viável a nova instalação.

Para tentar amenizar, a comissão formada pelos moradores pediu então mais rondas policiais, o que já não é novidade esse pedido e o fechamento do hall de entrada do Centro POP.

Os relatos são de que durante a noite eles se concentram no local, para se proteger de chuva ou frio e novamente trazem insegurança no entorno, quando saem pelas redondezas.

Houve a confirmação de uma tela que deverá ser instalada nessa entrada e impedir a aglomeração ali na madrugada. O Secretário Paulo Rogério Rigo informou que a parte de monitoramento acontece dentro da capacidade da guarda municipal, assim como também das rondas pela Polícia Militar.

O vereador Brandel Junior (PODEMOS) também participou e disse que está acompanhando de perto com todos os envolvidos. “Sou defensor das políticas públicas sim, mas o Centro Pop de Joinville está no local errado”, explicou o parlamentar.

O Centro de Referência Especializado para a População de Rua foi inaugurado em 2017 e realiza atendimento para as pessoas em situação de rua. De lá pra cá, as reclamações de moradores e comerciantes são constantes, assim como também de usuários da Rodoviária de Joinville.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...