‘Meu filho foi chamado de sem pernas’, diz mãe que faz campanha em SC para comprar prótese

João Paulo Cardoso teve má-formação congênita e teve de amputar as pernas

Por conta da má-formação nas pernas, um menino sonhador teve de amputar as duas pernas. A família comprou uma prótese para ele poder andar, mas, com o passar do tempo, o acessório não serve mais e a família não tem condições de comprar um novo.

menino precisa de próteseJoão Paulo Cardoso teve má-formação congênita. Aos dois anos, teve de amputar as duas pernas e com quatro  passou a usar próteses – Foto: Reprodução TV/ND

João Paulo Cardoso teve má-formação congênita. Aos dois anos, teve de amputar as duas pernas. Com quatro anos, passou a usar próteses. Mas hoje, com nove anos, está sem o acessório, que custa em torno de R$ 20 mil. 

No entanto, a limitação nunca tirou o brilho e a vontade de viver de João Paulo. Ele desenvolveu habilidade para se locomover dentro de casa e na rua.

Mas a prótese faz falta, admite a família, que mora no bairro Ulysses Guimarães, zona Sul de Joinville.

“O pessoal está ajudando, graças a Deus. Tenho a metade do dinheiro já. Ainda tem uma rifa com uma bicicleta”, comentou a mãe Marlene Vereta. 

Ela disse que tem muita pena de ver o filho se arrastando no chão, principalmente com esse frio. 

Prótese não serve mais e menino está ne esperança de conseguir uma nova. – Foto: Reprodução TV/NDPrótese não serve mais e menino está ne esperança de conseguir uma nova. – Foto: Reprodução TV/ND

Segundo a mãe, o menino também já sofreu preconceito. Foi chamado de “sem pernas” por algumas crianças.

“Para uma mãe, um pai, um preconceito tão grande desses é muito dolorido”, conta Marlene.

Enquanto isso, João vai fazendo planos de um futuro mais confortável.

“Eu gosto de estudar, brincar, gosto de educação física, gosto de ir no sítio”, disse o menino, que sonha em ser fazendeiro.

Quem puder ajudar, basta participar da Vaquinha. vakinha.com.br/vaquinha/todos-pela-protese-do-joao

A família também disponibilizou um número de telefone: 47-999037551

A história do menino foi exibida pelo Programa Tribunal Solidária, da NDTV Record Joinville. Estamos na torcida para que ele consiga uma nova prótese.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Cidadania

Loading...