Diretores de curtas-metragens catarinenses falam em live sobre o processo de criação

Programação acontece nas terças no Instagram da Instituição e será com três diretores que participam do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2020

Com o objetivo de fomentar as produções catarinenses, o Cineclube da Fundação Cultural Badesc, promove três lives com diretores de curtas catarinenses que estão concorrendo ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2020. Os encontros acontecem na terça-feira, a partir das 19h no Instagram da Fundação, no @fundacaobadesc.

A cineasta e curadora do Cineclube da Fundação, Vanessa Sandre, fará a apresentação das lives. A primeira será no dia 19 de maio e conta com a participação da diretora Cíntia Domit Bittar. Cíntia vai falar sobre Baile, curta de 18 minutos gravado em Florianópolis.

Curta “Baile”: menina de dez anos não entende como um dia pode mudar uma vida – Foto: Kamila Novaes/Divulgação/ND

Para assistir gratuitamente aos curtas-metragens catarinenses que estão concorrendo ao prêmio, é só acessar o site PortaCurtas.

A programação continua na terça, dia 26 de maio com a participação do diretor do curta de animação Almofadas de Penas, Joseph Specker Nys e no dia 2 de junho a conversa será com Ilaine Melo, diretora do curta documentário Licença Poética.

Leia também:

Estes são três filmes catarinenses entre os 61 selecionados na primeira etapa do prêmio. As obras são compostas por ficções, animações e documentários.

Programação live Sessão Curtas

Dia 19 de maio, terça-feira, às 19h

Baile

De Cíntia Domit Bittar. 2019. SC. 18 min. Ficção. Livre.

Sinopse: há certos dias que, mesmo sem grandes acontecimentos, nos forçam a crescer. Andrea tem só 10 anos e talvez ainda não perceba que seu dia foi assim.

Filme pode ser assistido de graça neste link.

Dia 26 de maio, terça-feira, às 19h

Almofada de penas

De Joseph Specker Nys. 2018. SC. 12 min. Livre

Sinopse: Logo após sua lua de mel, Alicia contrai uma doença inexplicável, enquanto seu marido Jordão presencia tudo de modo indiferente. Algo oculto a está enlouquecendo. A doença faz a jovem mulher mesclar a realidade com alucinações monstruosas.

Filme disponível gratuitamente no link.

Dia 2 de junho, terça-feira, às 19h

Licença Poética

De Ilaine Melo. 2019. SC. 13 min. Livre

Marçal Aquino, um dos escritores contemporâneos mais importantes do Brasil, fala sobre como a literatura o libertou. Felipe, um leitor quase comum, conta que lê para se libertar. O encontro dos dois revela que a muralha que aparentemente os separa é bem menos espessa do que ser poderia imaginar.

Filme pode ser assistido de graça pelo link.

+

Cinema