Festival de Cinema Francês é exibido em Florianópolis; confira programação

Além da exibição das obras de diferentes gêneros, também terá uma homenagem ao ator Jean-Paul Belmondo, falecido em 2020

O Festival Varilux de Cinema Francês chega a 12ª edição com exibição nos cinemas entre os dias 25 de novembro e 8 de dezembro de 2021, em todo o Brasil. A cidade de Florianópolis é a única do Estado de Santa Catarina que vai participar.

A programação é composta por dois clássicos e 17 longas-metragens inéditos e recentes, entre premiados e participantes de festivais internacionais, como Cannes, Toronto, Veneza e San Sebastian.

Cena de “Um Conto de Amor e Desejo”, filme dirigido por Leyla Bouzid – Foto: Varilux de Cinema Francês/Divulgação/NDCena de “Um Conto de Amor e Desejo”, filme dirigido por Leyla Bouzid – Foto: Varilux de Cinema Francês/Divulgação/ND

“Estamos felizes em poder realizar o festival novamente este ano, com maior segurança, com a pandemia estabilizada e os eventos culturais retornando em todas as cidades”, comemora Christian Boudier, codiretor e cocurador do festival.

Os 17 longas-metragens inéditos nos cinemas são estreladas por astros e jovens talentos, além de diretores novos e consagrados. A programação forma uma seleção com gêneros e temáticas variadas, composta por obras de drama, romance, comédia, animação e documentário.

Confira a lista das obras que serão exibidas no festival:

  • Está Tudo Bem – Direção: François Ozon
  • Ilusões Perdidas – Direção: Xavier Giannoli
  • Enquanto Vivo – Direção: Emmanuelle Bercot
  • @Arthur Rambo – Ódio nas Redes – Direção: Laurent Cantet
  • A travessia – Direção: Florence Miailhe
  • Adeus, Idiotas – Direção: Albert Dupontel
  • Titane – Direção: Julia Ducournau
  • Paris, 13 Distrito – Direção: Jacques Audaiard
  • Caixa Preta- Direção: Yann Gozlan
  • Delicioso: Da Cozinha para o Mundo – Direção: Eric Besnard
  • Um Intruso no Porão – Direção: Philippe Le Guay
  • Nosso Planeta, Nosso Legado – Direção: Yann Arthus-Bertrand
  • Madrugada em Paris – Direção: Elie Wajeman
  • Mentes Extraordinárias  – Direção: Bernard Campan e Alexandre Jollien
  • Tralala – Direção: Arnaud e Jean-Marie Larrieu
  • Um Conto de Amor e Desejo – Direção: Leyla Bouzid
  • Pequena Lição de Amor – Direção: Eve Deboise

Como em outros anos, uma delegação francesa estará em São Paulo e no Rio de Janeiro para apresentar seus filmes e conversar com o público em sessões de debate.

A lista de cidades e cinemas participantes estará em breve no site do festival. O valor do ingresso é o mesmo já cobrado por cada exibidor.

Homenagem ao ator Jean-Paul Belmondo

O público das cidades do Rio de Janeiro e São Paulo será presenteado com uma mostra especial, em homenagem ao ator Jean-Paul Belmondo, falecido em setembro passado.

A curadoria selecionou quatro títulos que destacam e enaltecem a carreira de Belmondo, cujo legado atravessou gerações.

São eles: “O Demônio das Onze Horas” (1965), de Jean-Luc Godard, “O Homem do Rio” (1964), de Philippe de Broca, “Técnica de um delator” (1963), de Jean-Pierre Melville e “Léon Morin, o padre” (1961), de Jean-Pierre Melville.

Os filmes da programação em homenagem a Jean-Paul Belmondo não estarão disponíveis em todas as cidades.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Cinema

Loading...