‘Um Lugar Silencioso – Parte 2’, saga de 007 e outros filmes têm lançamento adiado

Preocupação com a pandemia do novo coronavírus adiou ou até suspendeu datas de estreias de filmes e franquias no cinema

Os filmes “Um Lugar Silencioso – Parte 2”, “Velozes e Furiosos 9”, “007 – Sem Tempo para Morrer”, os brasileiros “A Menina que Matou os Pais”, “O Menino que Matou Meus Pais” tiveram suas estreias suspensas ou adiadas pelas distribuidoras. O motivo é a preocupação com a epidemia do novo coronavírus.

Novo 007 teve estreia adiada de abril para novembro – Foto: Divulgação/ND

A Paramount Pictures mudou a data de estreia do filme de John Krasinski no mundo todo. “Acreditamos e apoiamos a experiência do cinema e tentaremos colocar o nosso filme de volta ao mercado o mais rápido possível”, diz um comunicado. “A futura data de lançamento de ‘Um Lugar Silencioso – Parte II’ será anunciada assim que tivermos uma percepção melhor do impacto dessa pandemia no mercado de cinema global.”

Leia também:

A Universal empurrou em quase um ano o lançamento de “Velozes e Furiosos 9”: de maio de 2020 para abril de 2021.

No Brasil, a Galeria Distribuidora e a Santa Rita Filmes decidiram suspender a estreia dos filmes sobre o caso de Suzane von Richtofen. “As empresas estão acompanhando o cenário e, até o momento, mantêm a estreia dos longas em 2020, ainda sem data definida”, diz uma nota das empresas.

A saga de James Bond “007 – Sem Tempo para Morrer” teve estreia adiada de abril para novembro.

Nesta quinta-feira, 12, diversos eventos culturais foram adiados, suspensos ou cancelados, como o Festival de Curitiba e os Lollapalooza Argentina e Chile.

+

Cinema