Defesa Civil investiga possível tornado em Santa Catarina

As cidades mais atingidas foram de Belmonte e Descanso, no Extremo Oeste do Estado; meteorologistas vão analisar se os estragos foram em decorrência de um tornado ou de uma micro explosão

Fortes ventos registrados por volta das 17h da quarta-feira (10), em cidades do Extremo Oeste de Santa Catarina, deixaram um rastro de destruição. As cidades de Belmonte e Descanso foram as mais atingidas. De acordo com a Defesa Civil de SC, ainda não há confirmação do fenômeno ocorrido na região, dentre as suspeitas estão um tornado ou uma micro explosão.

Segundo informações da Defesa Civil, meteorologistas estão analisando as imagens dos radares meteorológicos na região, além de fotos e vídeos que circulam pela Internet e que chegaram à instituição. Num relatório preliminar, divulgado pelo órgão, a indicação é de que a ocorrência tenha sido um tornado.

Defesa Civil avalia se foi mesmo um tornado ou micro explosão que atingiu a região – Foto: Divulgação/NDDefesa Civil avalia se foi mesmo um tornado ou micro explosão que atingiu a região – Foto: Divulgação/ND

No entanto, somente após uma avaliação nos locais atingidos é que será possível identificar qual fenômeno atingiu as duas cidades. Segundo a Defesa Civil existem algumas características como o rastro ou direção das árvores quebradas. Essa avaliação será realizada na manhã da quinta-feira (11).

Destruição

A tempestade, com ventos intensos, nas duas cidades deixou um rastro de destruição. Informações preliminares da Defesa Civil Estadual apontam que foram atingidas residências, uma escola, um ginásio e galpões.

Telhado de um posto de combustível foi destruído com os fortes ventos – Foto: Divulgação/NDTelhado de um posto de combustível foi destruído com os fortes ventos – Foto: Divulgação/ND

A tempestade também derrubou árvores e postes de energia elétrica, e diversas famílias ficaram desalojadas e foram abrigadas na casa de parentes.

Fortes temporais pelo Estado

Um sistema de baixa pressão está provocando fortes temporais em cidades de SC desde a terça, dia 9.  Desde então, segundo a Defesa Civil foram registrados grandes volumes pluviométricos que provocaram alagamentos e deslizamentos. As ocorrências foram registradas nas cidades de São Lourenço do Oeste, Canoinhas, Xanxerê, Irineópolis e Seara.

Leia também:

Ainda nesta quarta-feira foram registradas fortes tempestades e vento intenso nas cidades de Ipuaçu, Campos Novos, Coronel Freitas, Águas de Chapecó, São Carlos, Nova Itaberaba, Saudades, Cunha Porã, Irani, Iporã do Oeste.

Levantamentos

Após as ocorrências, técnicos das defesas civis dos municípios e do também do Estado foram deslocados para prestar apoio. Até às 22h da quarta-feira (10), haviam sido distribuídos em Descanso, Belmonte e Ipuaçu 17 rolos de lona, 727 telhas, 17 colchões de casal e sete de solteiro.

Como as comunidades são distantes e em função da dificuldade de acesso os levantamentos dos estragos ainda estão sendo realizados. Algumas localidades ficaram sem energia elétrica e Internet em função da queda de postes e árvores. A previsão é que a conclusão seja realizada na manhã da quinta (11).

Equipes da Defesa Civil seguem de plantão e prestando apoio aos municípios atingidos.

Reunião em Descanso

Segundo o Secretário de Administração da cidade de Descanso, Paulo Lauxen, será realizada uma reunião no começo da manhã da quinta-feira (11) na prefeitura. Segundo Lauxen, essa é a primeira vez que a cidade é atingida dessa maneira por um fenômeno natural. Ele lembra que em 1988 aconteceu algo parecido, com vento e granizo, no interior da cidade.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

+ Clima