Ao menos 10 cidades de SC confirmam eventos para o Carnaval 2022; confira

Bons índices de vacinação contra a Covid-19 aliados a protocolos sanitários menos rígidos faz com que a programação comece a ganhar forma

A três meses do Carnaval, ao menos 10 cidades catarinenses com tradição na realização de eventos no período, já confirmaram que em 2022 a data não deve passar em branco.

Ao menos 10 cidades de SC confirmaram eventos para o Carnaval 2022 – Foto: Divulgação/PMF/NDAo menos 10 cidades de SC confirmaram eventos para o Carnaval 2022 – Foto: Divulgação/PMF/ND

Os bons índices de vacinação contra a Covid-19 aliados a protocolos sanitários menos rígidos faz com que a programação para o ano que vem comece a ganhar forma. O ND+ entrou em contato com municípios de diferentes regiões do Estado para saber como está o planejamento.

Florianópolis

O secretário municipal de Cultura, Esporte e Juventude, Ed Pereira, confirmou a realização do tradicional desfile de escolas de samba na passarela Nego Quirido, no Centro. O planejamento prevê 10 escolas na avenida – entre elas, uma de São José e uma de Palhoça – em apresentação única no sábado, 26 de fevereiro.

O Carnaval, de acordo com Ed, será sem rebaixamento de agremiações. “Não é o momento de ter disputa acirrada. Vai ter o reconhecimento da melhor, sim, mas a mensagem será a de superação e esperança”, disse.

Com relação a protocolos, o secretário esclareceu que o planejamento que está sendo feito na cidade é destinado para a população com o esquema vacinal completo. “Quem estiver com o passaporte de vacinação vai poder participar do desfile. Queremos que as pessoas ‘virem a página’ e deixem de lado os preconceitos contra a vacina”, disse Ed Pereira.

O superintendente de Turismo de Florianópolis, Vinicius De Luca Filho, afirmou que a pasta avalia diariamente os números relacionados à vacinação e à pandemia. Ele frisou que a cidade conta com elevados índices de vacinação e o selo local, mas que ainda faltam alguns meses para o Carnaval.

“O Carnaval é um evento que exige tempo de planejamento e, por isso, todos os trabalhos internos estão sendo realizados. Por exemplo, o lançamento do edital de apoio aos blocos, que é custeado pela iniciativa privada. Em paralelo, temos feito reuniões com os maiores blocos para verificar se há intenção de desfilarem em 2022”, completou.

Norte

Joinville – A prefeitura informou que ainda não há definição sobre o Carnaval na cidade. O tema será discutido no início do próximo ano. O órgão destacou que a realização de eventos dependerá do avanço da vacinação e do momento da pandemia.

Barra Velha – Pierre Costa, presidente da Fumtec (Fundação Municipal de Turismo, Esporte e Cultura) disse que, por ora, o município está focado nos eventos programados para dezembro e janeiro. Na sequência, o Carnaval deve entrar em pauta.

“A temporada de verão será o nosso termômetro. Vamos ver como estarão as leis sanitárias e o cenário da pandemia até lá. Mas, se estiver como está agora, com certeza, vai ter Carnaval”, projetou.

São Francisco do Sul – Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Turismo informou que está organizada para o Carnaval 2022, assim como outros municípios. Por determinação do prefeito Godofredo Gomes Moreira Filho, a pasta acompanha a matriz de risco da região e as diretrizes estaduais para definir o andamento dos eventos no município. Caso haja uma piora no cenário, a festa será cancelada.

Balneário Piçarras – A assessoria da prefeitura municipal disse que ainda não definição sobre o Carnaval 2022. Por ora, apenas a programação das festas de final de ano e temporada de verão estão confirmadas.

Sul

Criciúma – Não há programação de Carnaval por parte da prefeitura. Eventuais festas de Carnaval serão promovidas por clubes privados.

Laguna – O secretário de Turismo e Lazer de Laguna, José Mello Júnior, confirmou a realização do Carnaval 2022 na cidade, bem como, outros eventos da temporada de verão. O protocolo “evento seguro” segue sendo aplicado na cidade. Segundo ele, os blocos de Carnaval privados já colocaram ingressos à venda. A prefeitura estuda a realização de circuitos com trios elétricos na Praça Seival, no Mar Grosso.

Imbituba – O secretário de Desenvolvimento Econômico, Turístico e Portuário de Imbituba, Henrique Melo, disse que a pasta fará uma reunião na segunda semana de janeiro para tratar do Carnaval. “Vamos convocar todos aqueles que promovem festas nos bairros durante a data”. O secretário destacou a tentativa de descentralizar o Carnaval em 2022 para evitar aglomeração em um local só da cidade.

“A prefeitura vai apoiar os blocos de bairros, blocos privados e da iniciativa popular. Vamos ajudar com infraestrutura, som, trio elétrico e fortalecer o Carnaval nos diferentes bairros. Os promotores de evento vão ser auxiliados ao se cadastrarem em um chamamento que vamos fazer”, explicou.

Vale do Itajaí

Navegantes – A Secretaria de Turismo disse que ainda trabalha na elaboração das atividades, mas as datas dos eventos já estão definidas: 25, 26 e 27 (sexta, sábado e domingo) de fevereiro de 2022. Não haverá eventos na segunda, terça e Quarta-Feira de Cinzas.

A realização, no entanto, vai depender da situação da pandemia da Covid-19. Caso haja alguma decisão do governo do Estado, por exemplo, por meio de decreto optando pelo cancelamento desse tipo de festa, em virtude da crise sanitária, a pasta vai acatar.

Balneário Camboriú – O secretário de Turismo, Geninho Goes, confirmou a realização do Carnaval na cidade em parceria com as ligas das escolas de samba e blocos. A programação completa, no entanto, só será oficializada depois que todos os processos de licitação para shows e estrutura, por exemplo, estiverem finalizados.

O vice-presidente da Liga Carnavalesca de Balneário Camboriú, Evandro Rocca, disse que as tratativas para o Carnaval já iniciaram em junho. São 28 blocos e uma escola de samba. O tema para o enredo do ano que vem já foi sugerido: “Mais areia, sol e mar”, em consonância com o alargamento da praia.

“A liga está preparada e organizada para a realização dos eventos e contando com o apoio da Secretaria de Turismo. Os blocos já estão ensaiando”, disse Rocca.

Itajaí – Conforme a prefeitura, não haverá Carnaval no Mercado Público de Itajaí.

Oeste

Joaçaba – Natalia Airana Cevey, que administra a empresa responsável por organizar o Carnaval na cidade confirmou a realização do desfile das escolas de samba. O evento será realizado na Avenida 15 de Novembro nos dias 26 e 28 de fevereiro. Serão três escolas: Vale Samba, Unidos do Herval e Acadêmicos do Grande Vale. Os membros da corte carnavalesca já foram escolhidos por votação.

O lançamento do Carnaval 2022 será aberto ao público, no dia 3 de dezembro, no barracão da Escola Unidos do Herval. No mesmo dia, serão abertas as vendas dos ingressos para os desfiles. Cevey destaca que caso haja alguma nova restrição estadual de combate à pandemia da Covid-19, essa será acatada.

Águas de Chapecó – A secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Débora Hermes, informou que o município terceiriza o evento de Carnaval. O edital de licitação para contratar a empresa que ficará responsável pelos eventos já foi lançado. Serão cinco noites de festa na Concha Acústica da cidade. As atrações serão definidas pela empresa contratada.

Itá – Tainara Zanella, gerente de marketing de um resort de águas termais que atrai turistas à cidade diz que já há um grande número de reservas para o feriado do Carnaval. “Nossa expectativa é muito boa. A cidade é referência na região quando se trata do Carnaval e há muitas opções turísticas. As famílias estão se sentindo mais seguras para viajar”, disse.

A reportagem tentou contato com a prefeitura de Itá, mas não obteve retorno até a publicação.

“Ainda é cedo para falar de Carnaval”, diz secretário

Questionado sobre a possibilidade de haver Carnaval em 2022 e isso possibilitar um aumento de casos do coronavírus em Santa Catarina, o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, afirmou que o Estado trabalha com uma gestão de crise baseada no momento atual da pandemia.

“Tomamos uma atitude, acompanhamos o resultado disso e assim agimos. Ainda é cedo para falar de Carnaval. Precisamos entender que o que vai nos proteger de fato é a vacina. Se tivesse algo para falar sobre o Carnaval hoje é que todos nós estejamos vacinados”, declarou o secretário em entrevista exclusiva ao Grupo ND na segunda-feira (22).

Bolsonaro é contra Carnaval em 2022

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta quinta-feira (25), que é contra a realização do Carnaval nos estados brasileiros em 2022. A declaração foi dada em entrevista à Rádio Sociedade da Bahia.

“Por mim, não teria Carnaval. Só que tem um detalhe: quem decide não sou eu. Segundo o Supremo Tribunal Federal, quem decide são os governadores e os prefeitos. Não quero aprofundar nessa que poderia ser uma nova polêmica”, explicou.

Bolsonaro se referiu à decisão do STF que deu autonomia a estados e municípios para decidirem sobre as ações de enfrentamento à pandemia.  Ao menos 45 cidades paulistas já anunciaram o cancelamento da realização do Carnaval de 2022, segundo o Portal R7.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Cultura

Loading...