Artistas realizam atividades culturais durante manifestação no CIC, em Florianópolis

Performances e aulas abertas ao público são alguns dos eventos que manifestantes realizam para chamar atenção da população e autoridades

Marco Santiago / ND

Movimento pacífico – Classe reivindica mais atenção e transparência para as políticas culturais

Artistas e profissionais ligados à cultura realizam atividades culturais durante o acampamento no hall do CIC (Centro Integrado de Cultura), em Florianópolis. Na terça (24), uma performance teatral ocorre a partir das 14h na av. Beira-Mar Norte, próximo ao elevado do CIC. Das 14h às 15h30, o professor da Udesc (Universidade Federal de Santa Catarina) Stephan Baumgartel ministrará uma aula aberta ao público sobre o teatro de Bertolt Brecht (1898 – 1956).

A partir das 19h, o professor de teatro da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) Fábio Salvatti ministra uma aula sobre teatro contemporâneo. Ele vai analisar o texto “A Classe Morta”, obra do polonês Tadeusz Kantor.

O grupo participa do movimento batizado “Ocupa CIC” e reivindica, dentre outros temas, mais transparência e atenção nas políticas culturais de Santa Catarina. 

Entenda o caso

A manifestação começou no hall de entrada do CIC, na última segunda, com a leitura de uma carta assinada por 131 entidades representativas dos profissionais da cultura que foi encaminhada às autoridades estaduais, entre elas o governador Raimundo Colombo e o secretário de Turismo, Cultura e Esporte José Natal. Os participantes esperavam que o presidente da FCC, Joceli de Souza, viesse receber o documento pessoalmente em frente ao grupo. A carta foi protocolada, mas segundo Joceli de Souza, o documento não havia chegado em suas mãos até às 13h de terça, 24. 

Acesse e receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Cultura