Joinville lança edital de R$ 1,3 milhão em início de projeto para revitalizar Cidadela

Concorrência foi aberta a fim de contratar empresa para elaborar projetos de restauração para o espaço

A tão esperada revitalização da Cidadela Cultural Antarctica ganhou mais um capítulo nesta quinta-feira (22): a prefeitura de Joinville lançou edital a fim de contratar uma empresa para elaborar os projetos de restauração do espaço, que teve uma parte destruída por incêndio em março.

Parte da Cidadela Cultural Antarctica foi destruída por incêndio em março – Foto: Secom/NDParte da Cidadela Cultural Antarctica foi destruída por incêndio em março – Foto: Secom/ND

O valor máximo admitido para a contratação da empresa é de pouco mais de R$ 1,3 milhão e o serviço deve ser concluído em até 13 meses após a assinatura da ordem de serviço.

Os projetos devem incluir aspectos como diagnóstico arqueológico, prevenção de combate a incêndio, comunicação visual e restauração do complexo em geral.

Com os documentos, será possível estimar o custo de uma reforma na Cidadela, esperada há muitos anos pela classe cultural e artística da cidade, uma vez que o espaço foi comprado justamente para servir como complexo de cultura e arte.

Durante a campanha eleitoral em 2020, o prefeito Adriano Silva, ainda como candidato, reforçou a ideia de firmar uma parceria público-privada para a administração do local, o que ainda não tem data para acontecer.

Atualmente, o espaço é utilizado pela Ajote (Associação Joinvilense de Teatro) e pela Aaplaj (Associação de Artistas Plásticos de Joinville), além de abrigar pelas do acervo do Museu de Arte de Joinville.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Cultura

Loading...