A canoa vai virar

Os muito ricos, caras que vão morrer com montanhas de dinheiro mofando no banco, continuam querendo mais e mais, insanos

Você jamais vai ver um cachorro fazendo força para latir mais alto que o cachorro do vizinho. Os cachorros não fazem disputas, senão por um osso quando estão com fome.

Canoa vai virar – Foto: Divulgação/NDCanoa vai virar – Foto: Divulgação/ND

Já o malevo ser humano disputa tudo, até mesmo cuspir mais longe. Já houve campeonatos desse tipo, claro, as mulheres não participaram, elas têm mais juízo e não sofrem de impotência…

Digo o que digo, leitora, porque me passou há pouco pelas retinas, lendo um texto antigo, uma frase tão velha quanto a primeira flor de laranjeira, dizia assim: “A gente só deseja aquilo que não tem”. Tente desmentir. Faz sentido, se tenho a bola de que preciso para jogar, por que vou desejar outra bola? Mas aí é que está, o ser humano não se conforma com o que tem.

A bola de que disponho não é do tamanho que eu gostaria, mas se me derem outra bola, maior, vou olhar para trás e desejar a bola menor, a que eu tinha. Um ser desprezível, o humano. Há quem diga que se não estivermos o tempo todo sonhando com o que não temos, o mundo não andará, não haverá ciência nem progresso.

Ninguém é tão estúpido para não entender isso, mas o que o autor da frase nos queria lembrar é que os desejos são um saco furado, é mais e mais o tempo todo.

Não vamos longe, o marido deseja a companheira dele (vou para de dizer a mulher dele, dele umas pitangas), deseja? Claro que não, ele deseja a mulher lá da esquina, ou uma colega de trabalho, ou a mãe Joana que seja, a companheira dele não.

Essa pode passar. E estatisticamente essa verdade não vale para as mulheres, só as loucas são infiéis. Os muito ricos, caras que vão morrer com montanhas de dinheiro mofando no banco, continuam querendo mais e mais, insanos.

Depois, se lhes sobrar tempo, antes de piscar para sempre, vão dizer, pô, devia ter vivido melhor, com menos… Tarde, irmão. Aliás, falando nisso, tinham razão os milenares filósofos da vida que pregavam o “desapego”, o minimalismo, ter o suficiente para viver, o mais é perda de tempo e infelicidade. Bah, a canoa vai virar, ela está cheia desses tipos.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.