Morre Laranja, um dos pioneiros do carnaval de rua de Joinville

Jair de Lima Matias era presidente da Acadêmicos da Serrinha, uma das mais antigas escolas de samba joinvilenses

Há quem pense que Joinville, no Norte de Santa Catarina, não tem tradição em Carnaval. Mas a verdade é que, apesar de alguns anos de interrupção, a festa popular já foi muito celebrada pela cidade. E um dos pioneiros foi Jair de Lima Matias, mais conhecido como Laranja.

Um dos fundadores da Acadêmicos do Serrinha, ele faleceu na última sexta (14), no Hospital Regional Hans Dieter Schmidt, onde estava internado. E o que não faltou foram homenagens a um dos símbolos do carnaval joinvilense.

Laranja era presidente da Acadêmicos do Serrinha – Foto: InternetLaranja era presidente da Acadêmicos do Serrinha – Foto: Internet

A Serrinha, nome em homenagem à localidade no bairro Saguaçu, é uma das escolas de samba mais antigas da cidade. Embora tenha ganhado status de escola em 1974, o bloco já desfilava muito antes disso, unindo outros ícones da festa em Joinville, como Charuto, que reunia todos em seu bar.

Ainda hoje, aos 82 anos, Laranja era o presidente da escola que ajudou a criar. “Sempre batalhou para colocar a escola na avenida e manter a tradição de uma das mais antigas agremiações carnavalescas da nossa cidade”, escreveu a Liesj (Liga das Escolas de Samba de Joinville).

“Um ser humano sensacional, fantástico, uma benção em nossas vidas”, disse a filha Helena Matias. Laranja foi sepultado no sábado (15), no cemitério do Cubatão, e deixa um legado de luta pelo carnaval e alegria pelas ruas da cidade.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Cultura

Loading...