Marcos Cardoso

A sociedade da Grande Florianópolis, os eventos culturais e as tradições da região analisadas pelo experiente jornalista Marcos Cardoso.


Notas: Forcinha / Fé / Pinóquios

Forcinha

Alguns influenciadores digitais, que são aqueles pagos com presentes ou dinheiro para exibir produtos e serviços em suas redes sociais, tomaram a iniciativa de divulgar gratuitamente o trabalho de pequenos empreendedores. Ato nobre que está ajudando muita gente a salvar seus negócios e manter empregos.

A senhorinha de cabelo em coque falava simpaticamente com todos na padaria equipada de álcool gel e luvas plásticas já na entrada – e se o cliente passa direto, a funcionária pede para voltar. Foi o caso da vovó, que terminava cada frase com “amém, Jesus”. Voltar, ela voltou, mas não calçou as luvas, ficou só segurando. Pegou na gaveta e na pá do pão, na bolsa, na rosquinha que provou… Jesus faz a parte dele. Se ela não fizer a dela, não poderá mais ir à padaria. Nem ela, nem ninguém.

Pinóquios

Georg Frey, especialista em psicologia da mentira, lista alguns sinais emitidos por quem mente perceptíveis mesmo com o uso de máscara – o que, por exemplo, impede ver o movimento revelador da boca, incluindo aquele sorriso nervoso. São indícios o piscar rápido e frequente dos olhos, mãos reafirmando o tempo todo o que se diz, gagueira e pés em posição de fuga (sentido diferente do resto do corpo). Cá para nós, às vezes, é só ouvir o início da lorota para se perceber. Ah! Frey afirma que homens mentem mais e mulheres mentem melhor. Será?

+

Marcos Cardoso