Sem desfile, Blumenau comemora 170 anos de fundação

Solenidades foram fechadas ao público e transmitidas por redes sociais; profissionais que atuam no enfrentamento ao Coronavírus também foram homenageados

Blumenau comemorou 170 anos de fundação com uma cerimônia bem menos animada, sem o tradicional desfile na Rua XV de Novembro. Em função da pandemia do novo coronavírus os únicos eventos realizados nesta quarta-feira (2) foram a homenagem ao fundador do município, Dr. Hermann Bruno Otto, e o hasteamento da bandeira.

Blumenau completou 170 anos de fundação – Foto: Marcelo Martins / Prefeitura de Blumenau

A solenidade de homenagem à Família Blumenau foi realizada no Mausoléu Dr. Blumenau. O evento foi fechado ao público e transmitido pelas redes sociais do município. As poucas pessoas que participaram tiveram que seguir protocolos de segurança em função da pandemia.

Durante a cerimônia foram colocadas 14 coroas de flores no túmulo da Família Blumenau, foi feito um discurso em homenagem ao aniversário da cidade e uma oração ecumênica foi realizada pelo pastor Milton Jandrey, pároco da Paróquia Centro da Igreja Evangélica Luterana no Brasil.

Homenagem à família Blumenau é realizada anualmente – Foto: Marcelo Martins / Prefeitura de Blumenau

Velas também foram acesas para homenagear profissionais que atuam no enfrentamento ao Coronavírus, para lembrar de todos que partiram em função da pandemia e ainda representar a luz para aqueles que conseguiram a cura.

Hasteamento das bandeiras

O Exército Brasileiro também fez parte da celebração do aniversário da cidade. Durante a solenidade, veteranos do 23º Batalhão de Infantaria, acompanhados por outras autoridades, hastearam as bandeiras de Blumenau, Santa Catarina e Brasil.

Hasteamento da bandeira foi realizado no entorno da prefeitura – Foto: Marcelo Martins / Prefeitura de Blumenau

+

Cultura