Big Ben, Picadilly e bicicletas

PICADILLY CIRCUS LOTADA 

Quem não teve oportunidade de acompanhar no estádio a festa de abertura dos jogos olímpicos em Londres, ou não deu tempo de chegar em casa com certeza foi ao Picadilly Circus. Um dos pontos mais visitados da cidade. Em frente tem um enorme telão, e o espaço ficou completamente lotado. É claro que os brasileiros estavam lá. E quando Rodrigo Pessoa desfilou com a bandeira do Brasil a festa foi maior. Afinal onde tem agito sempre tem um brasileiro. 

TRÊS

Três coisas que estamos aprendendo sobre os ingleses nos últimos dias. Primeiro: eles não são muito simpáticos de um modo geral, não gostam de responder a perguntas sobre localização (e os turistas perguntam o termpo todo, né?). Segundo: são superencucados com gravações. Em qualquer lugar que a gente chega para fazer uma matéria para a TV, tem que solicitar mil autorizações. Já aconteceu até no meio da rua, de alguém vir reclamar e questionar quem liberou as filmagens. Terceiro: Dona Orleta já me ensinou que é feio apontar o dedo. Aqui é quase um crime. 

Marcelo Cabral/ND

Salada Londres

SALADINHA

As opções culinárias em Londres são muitas. Mas com a correria do dia a dia na cobertura dos Jogos, fica difícil sentar a mesa para degustar com calma um bom almoço. Ficamos refém dos fast-foods e afins. É lanche e sanduba pra todo lado. Já vi brasileiro chorando lembrando do churrasco, arroz com feijão. Hoje entrei na fase saladinha. Taí o registro para provar. O sabor é delicioso, o preço salgado. 10 libras esse belo prato.

London 2012.com/ND

Big Ben Londres Olimpíadas

O BIG BEN 

Estamos preparando para os próximos dias uma matéria sobre o relógio mais tradicional do mundo. O todo poderoso Big Ben. Ele fica localizado ao lado do parlamento inglês e perto da London Eye. Acredito que você já o viu em vários filmes. Bom em um país onde a pontualidade é uma obrigação ele segue ditando o ritmo de uma Londres que não para. Um cartão postal famoso e que ajuda a divulgar ainda mais o nome da cidade. Se é que ela precisa.

A CIDADE DAS BICICLETAS 

Aqui em Londres é muito comum encontrar homens engravatados indo para o trabalho de bicicleta. É uma cidade onde a mobilidade urbana está longe de ser um problema. Tem metrô, ônibus e as bicicletas é claro. O que não tem pelo jeito é vaidade. Imagina em floripa uma situação dessa. Ia dar o que falar e com certeza nós pensaríamos: esse cara tá louco. Não, loucos somos nós, eles é que são evoluídos. Um país com tanta tecnologia e mesma assim a bicicleta é reverenciada. Até em forma de arte.