Caso Camilo, 1º Fórum Catarinense de Cultura e Cidadania e as pets tags da moda

Mãe e filha

Vanessa Pinho

Mônica e Lolla Zumblick brindam o sucesso da segunda Lolla Store. A loja atende a um público antenado e já conquistou toda Grande Florianópolis.

Em Orlando

Disney Photo

Solange e o engenheiro Luiz Silveira, com o filho Carlos Eduardo e Lenise, mais as netas Maria Eduarda e Maria Fernanda, visitando Mickey no parque Magic Kingdom, nos Estados Unidos.

De Palhoça

Darline Santos

A arquiteta e designer de móveis Larissa Diegoli, da Hadra Artefactos, marcando presença no café da Formabella, em Floripa.

Caso Camilo

Cheguei na RICTV ontem junto com o atual prefeito de Palhoça, Camilo Martins. Meu colega e colunista político Roberto Azevedo o entrevistou por cerca de duas horas, e ele se mostra confiante quanto a continuar na administração da cidade. Situação complicada essa nossa em Palhoça… Finalizando, Azevedo pediu pra ele falar como advogado e não como prefeito: “O que você faria antes das eleições para evitar todos esses transtornos?” Entre outras coisas, ele disse que a legislação devia ser mudada, porque os processos contra ele só vieram depois que ele assumiu como prefeito. Não vejo muita diferença entre esse antes e depois. O fato é que, como disse Roberto Azevedo, e todos nós estamos vendo, tudo isso é muito ruim para cidade…

34 anos

Ontem a Escola Municipal Professor Donato, de Biguaçu, comemorou 34 anos de fundação. Os mais de 460 estudantes, matriculados do 1° ao 9° ano do Ensino Fundamental, festejaram junto com toda comunidade escolar com diversas atividades culturais e recreativas e com o tradicional corte do bolo. A secretária Municipal de Educação, Kátia Roussenq Bichels, afirma que a escola tem um quadro de profissionais comprometido e muito determinado a oferecer uma educação de qualidade. Parabéns à Escola Donato por mais um ano fazendo a diferença na comunidade do Prado.

Hospital de São José

Recebo quase todos os dias um boletim de emergências da Grande Florianópolis e é impressionante a movimentação no Hospital Regional de São José. A emergência está sempre super lotada e o atendimento é feito de acordo com a gravidade dos casos, a partir da classificação de risco. Em 24 horas, o setor de emergência atendeu 245 pacientes e, segundo o boletim, cerca de 80% dos casos são ambulatoriais, ou seja, podem ser resolvidos nos postos de saúde. Por isso, a Secretaria de Estado da Saúde orienta a população a primeiro procurar os centros de saúde dos seus municípios, que estão aptos a atender situações de urgência em que a pessoa não corre riscos. São casos, por exemplo, de febre e dores generalizadas. Os casos mais graves serão encaminhados para os hospitais.

Tags

Pensando no quanto os animais de estimação são importantes, oferecem companhia e alegria a seus donos foi que surgiu a empresa Petstags. ”Sabemos o quanto é doloroso o desaparecimento desses amigos especiais. Por isso fomos atrás de uma tecnologia inovadora na fabricação de placas de identificação”. A inspiração veio dos Estados Unidos, durante uma visita a uma grande rede de lojas para pets, dali a ideia de trazer para o Brasil uma máquina onde a gravação das placas sairiam em poucos minutos. Dados dos defensores dos animais afirmam que 91% dos cães perdidos com identificação voltam em menos de 48 horas, enquanto 41% de cães perdidos sem identificação nunca mais voltam… Interessou? É só acessar petstags.com.br. As plaquinhas são uma graça.

MV Bill, Preto Zezé e o crack

O crack é considerado a forma mais eficaz de causar dependência e o consumo compulsivo, produzindo em até cinco minutos efeitos psicofísicos. O Brasil tem cerca de 370 mil usuários regulares da droga. Esse e outros importantes assuntos que envolvem o tema cidadania serão abordados no 1º Fórum Catarinense de Cultura e Cidadania. O evento inicia no próximo dia 8 e uma das grandes atividades programadas ocorrerá no dia 12 abril, na parte continental da Capital, no bairro Monte Cristo. A iniciativa irá unir o escritor e presidente nacional da Cufa (Central Única das Favelas), Preto Zezé, juntamente com o ativista social MV Bill, que juntos irão compartilhar suas experiências de vida.  O objetivo é discutir a disseminação do crack nas favelas e comunidades do Brasil.

Loading...