Elio Fiorucci em Floripa, dando uma aula de moda e de vida na palestra para alunos da UDESC

Marco Cezar

Elio Fiorucci em Floripa, dando uma aula de moda e de vida na palestra para alunos da UDESC
Marco Cezar

A banqueteira Ana Luiza Trindade, feliz da vida trabalhando no que gosta
Marco Cezar

O meu mestre James Tavares fazendo os registros que marcam a história de Santa Catarina 
Marco Cezar

Sempre rindo, a lindíssima Bruna Corrêa vai levando a vida

 

FIORUCCI E MADONNA

O homem que revolucionou a moda na Itália e marcou uma geração nos anos 70 e 80 com a marca que leva seu nome  lotou o auditório do Badesc, anteontem para contar como uma geração revolucionou a moda e as artes. Na palestra, Fiorucci falou sobre como a sua loja, inaugurada em 1967, em Milão, se transformou em um ponto de encontro de músicos, artistas de teatro e cinema e personalidades italianas da época. A marca ganhou o mundo em 1977, quando Fiorucci conheceu Andy Warhol, com quem abriu uma loja em Nova York. “Foi com ele que aprendi a trabalhar as cores televisivas, fortes, que foram um símbolo do meu trabalho”, explica o estilista. A história da marca é cheia de elementos que fizeram história nas décadas de 70 e 80: foi na loja de Nova York que o empresário organizou a abertura da histórica discoteca Studio 54 e promoveu shows de uma jovem chamada Madonna. “Ela era apenas uma jovem de 15 anos que queria ser DJ”, lembra-se.