E se sua nota de R$ 100 valesse R$ 4,5 mil? Confira se você tem uma dessas

Colecionadores estão dispostos a pagar por cédulas emitidas em 1994 e assinadas pelo presidente do Banco Central e ministro da Fazenda da época

E se a sua nota de R$ 100 valesse R$ 4.500? Existem algumas cédulas raras que para os colecionadores de moedas e cédulas, chamados de numismáticos, podem valer mais do que aparentam. Para isso, elas precisam preencher uma série de requisitos.

Colecionadores estão dispostos a pagar mais de R$ 4 mil por cédulas de R$ 100 emitidas em 1994 e assinadas pelo ministro da Fazenda Rubens Ricupero e pelo presidente do Banco Central da época, Pedro Malan, sem manchas ou amassados. As informações são do site Seu Crédito Digital.

Você sabe como identificar as notas de R$ 100 – Foto: FreepikVocê sabe como identificar as notas de R$ 100 – Foto: Freepik

As notas com erros específicos em sua impressão são muito valorizadas. Há notas raras de todos os valores. Os colecionadores buscam notas de R$ 5, notas de R$ 50 e até moedas específicas.

No caso das cédulas de R$ 100, existem cinco cédulas mais buscadas e que podem chegar a valer até R$ 4.500. Confira as características.

  • Ausência da frase “Deus seja louvado”;
  • Cédula de R$ 100 da “primeira família” do real, lançada em 1994;
  • Assinatura do ministro da Fazenda, Rubens Ricupero;
  • Assinatura do presidente do Banco Central, Pedro Malan.

É fácil identificar se a nota tem ou não a frase “Deus seja louvado”. É só procurar as letras miúdas na cédula. O erro de impressão ocorre em outras notas também.

Primeira família do real

Quanto às notas da primeira família do real, é possível aprender a identificá-las pelo site do Banco Central.

A assinatura é encontrada no canto inferior direito ou esquerdo da nota, dependendo do modelo.

As assinaturas de Rubens Ricupero quanto de Pedro Malan são consideradas raras, pois eles ficaram pouco tempo em seus cargos, sendo especuladas em três séries de notas com a assinatura dos dois ao mesmo tempo.

+

Economia Brasileira

Loading...